Golos de Bruno Fernandes de pé esquerdo são uma raridade? Desengane-se

Médio do Sporting apontou esta quarta-feira, ao Benfica, o sexto golo de pé esquerdo nesta época. Tem 26 no total, em todas as competições

Estádio José Alvalade, minuto 75 do Sporting-Benfica desta quarta-feira: Bruno Fernandes recebe a bola na direita, simula que vai cruzar com o seu melhor pé (direito) e tira Grimaldo no caminho, disparando depois com o esquerdo para o fundo da baliza de Svilar.

Daquela posição, o médio leonino opta a maior parte das vezes por utilizar o seu melhor pé, mas desta feita surpreendeu tudo e todos para marcar o golo que valeu o bilhete para o Jamor. Mas será que é assim tão raro ver o internacional português marcar com o pior pé (ou o menos bom...)? Nem por isso.

Em 26 golos nesta temporada em todas as competições, Bruno Fernandes apontou seis com o pé esquerdo. É verdade que já não o fazia desde 19 de janeiro, mas não deixa de ser um número respeitável, até porque há muitos médios que não têm sequer meia dúzia de golos marcados, seja com que parte do corpo for.

Curiosamente, o pé esquerdo do médio do Sporting começou a carburar após a chegada de Marcel Keizer para o comando técnico, tendo faturado por essa via nos três primeiros jogos do holandês: em Viseu frente ao Lusitano Vildemoinhos para a Taça de Portugal, no Azerbaijão diante do Qarabag e em Vila do Conde ao Rio Ave. Depois, também o Nacional e o Moreirense, ambos em Alvalade, sentiram na pele o efeito da canhota de Bruno Fernandes.

Para completar, resta dizer que Bruno Fernandes apontou já nesta época um golo de cabeça (ao Feirense, na I Liga) e 24 com o pé direito, sendo que quatro foram de grande penalidade e três de livre direto.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG