Buffon diz adeus ao PSG e já recebeu propostas aos 41 anos

O guarda-redes italiano assume que os parisienses lhe propuseram a renovação de contrato, mas decidiu não aceitar porque quer abraçar uma nova experiência.

Gianluigi Buffon anunciou esta quarta-feira que vai deixar o Paris Saint-Germain, após um ano de contrato com os campeões franceses.

O guarda-redes italiano, de 41 anos, anunciou o adeus através de uma mensagem nas redes sociais, onde agradeceu a oportunidade de ter representado o PSG. "Deixo o clube mais rico após uma experiência que me fez crescer. Hoje termina a minha aventura fora de Itália: o Paris Saint-Germain propôs-me a renovação de contrato, mas decidi não aceitar, pois pretendo ter novas experiências", escreveu o campeão do mundo de 2006 ao serviço da seleção de Itália.

Segundo o jornal Gazzetta dello Sport, Buffon pretende continuar a sua carreira de futebolista, tendo inclusive já recebido propostas de alguns clubes europeus tendo em vista a próxima temporada. Uma delas é regressar à Juventus, mas como treinador de guarda-redes, o que o obrigaria obviamente a pendurar as luvas.

Exclusivos

Premium

Alentejo

Clínicos gerais mantêm a urgência de pediatria aberta. "É como ir ao mecânico ali à igreja"

No hospital de Santiago do Cacém só há um pediatra no quadro e em idade de reforma. As urgências são asseguradas por este, um tarefeiro, clínicos gerais e médicos sem especialidade. Quando não estão, os doentes têm de fazer cem quilómetros para se dirigirem a outra unidade de saúde. O Alentejo é a região do país com menos pediatras, 38, segundo dados do ministério da Saúde, que desde o início do ano já gastou mais de 800 mil euros em tarefeiros para a pediatria.