Bayern. Golos devolvem campeão à liderança

Com dois golos ao Wolfsburgo (6-0), Lewandowski é o melhor marcador estrangeiro da Bundesliga no dia em que o hexacampeão recuperou a liderança por dois golos. Dortmund bateu (3-1) Estugarda

É uma questão de poder. O hexacampeão Bayern de Munique já esteve em estado de sítio, Nico Kovac foi 'despedido' pela imprensa várias vezes, mas seis meses e 16 jornadas depois o colosso da Baviera está de volta ao lugar habitual. O primeiro da Bundesliga. Por dois golos de diferença sobre o Borussia de Dortmund. E vai receber quarta-feira o Liverpool para discutir o acesso aos quartos-de-final da Champions, após o prometedor 0-0 em Anfield Road.

Este sábado, o Bayern esmagou em casa o Wolfsburgo. Por 6-0. Golos: Gnabry (34'), Lewandowski (37'), James (52'), Muller (76'), Kimmich (82') e Lewandowski (bisou, 85'). Os dois golos do ponta-de-lança polaco valeram a liderança e a entrada na história de Robert. Passou a ser o estrangeiro com mais golos na Bundesliga (197 entre Dortmund e Bayern), ultrapassando Claudio Pizarro (195). Seguem-se Elber (133 ), Ibisevic (118) e Chapuisat e Ailton (106).

Os tais dois golos foram preciosos porque o Dortmund não conseguiu melhor do que um 3-1 sobre o Estugarda. E com muitos suores frios. Ao 1-0 de Reus (penálti, 62'), respondeu Kempf (71'). Na recta final, Alcácer (84') e Pulisic (90') garantiram o triunfo, mas não a manutenção do primeiro posto. A diferença de golos da equipa de Favre é de 33, a de Kovac de 35.

Há quatro dias, o Dortmund tinha sido atirado fora da Liga dos Campeões pelo Tottenham, que ganhou 1-0 na Alemanha depois de um confortável 3-0 construído em Londres.

Ver classificação da Bundesliga aqui.

Exclusivos