Valentino Rossi renova com a Yamaha até 2020

O piloto italiano Valentino Rossi, de 39 anos, renovou contrato com a Yahama por dois anos, pelo que está assegurada a sua presença nos Mundiais de MotoGP de 2019 e 2020, aos comandos da Yamaha YZR-M1.

"A Yamaha Motor Co., Ltd. está encantada por anunciar que vai continuar o seu forte relacionamento com o nove vezes campeão mundial e lenda viva do MotoGP Valentino Rossi, com o qual foi assinado um novo contrato de dois anos", anunciou a Yahama.

Valentino Rossi prepara-se para iniciar uma 13.ª época na Yahama (2004 a 2010 e desde 2013), pela qual é o recordista de vitórias, com 56, às quais adiciona 43 segundos lugares e 35 terceiros, para um total de 134 pódios, em 206 corridas.

"Quando assinei o meu último contrato com a Yamaha, em março de 2016, perguntei-me se seria o meu último como piloto de MotoGP. Nessa altura, decidi que tomaria a decisão nas duas épocas seguintes. Cheguei à conclusão que quero continuar, que isto me faz sentir bem", disse Valentino Rossi.

O piloto transalpino persegue o seu 10.º título mundial e oitavo na categoria rainha, sendo que já não se sagra campeão desde 2009. Depois disso, foi três vezes segundo, de 2014 a 2016, e na época passada terminou em quinto.

"Quero agradecer à Yamaha pela confiança em mim, porque a tarefa é difícil: ser competitivo até aos 40 anos. Sei que vai ser difícil e requer muito esforço da minha parte e muito treino, mas estou preparado", garantiu o italiano, frisando: "Não me falta motivação, por isso assinei por mais dois anos".

A temporada de MotoGP arranca no domingo, com a realização do Grande Prémio do Qatar, em Losail.