UEFA abre investigação formal ao PSG por possível violação do Fair Play Financeiro

"Atividade recente de transferências" merece a atenção do órgão que tutela o futebol europeu

A UEFA anunciou esta sexta-feira que abriu uma investigação formal ao PSG, como parte da "contínua monitorização dos clubes relativamente às regras do Fair Play Financeiro", pode ler-se no site do organismo.

"A investigação irá focar-se no facto de o clube cumprir os requisitos, particularmente devido à sua recente atividade recente de transferências", acrescenta.

Recorde-se que o clube parisiense contratou Neymar ao Barcelona, naquela que foi a transferência mais cara de sempre do futebol mundial, por 222 milhões de euros. Mbappé também chegou do Mónaco, por empréstimo, mas com uma cláusula obrigatória de compra, na próxima época, que deverá rondar os180 milhões de euros, de acordo com a imprensa especializada.

Investigadores da UEFA irão, "nos próximos meses", "reunir regularmente para, cautelosamente, avaliar toda a documentação realtivamente ao caso".

"A UEFA considera o Fair Play Financeiro um mecanismo de governação crucial, que procura manter a sustentabilidade dos clubes de futebol europeus"", acrescenta o organismo que tutela o futebol europeu.

Enquanto a "investigação decorrer, a UEFA não fará mais comentários".

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG