"Tenho de agradecer em primeiro a Deus e depois a Jesus"

Matheus Pereira feliz com a época pessoal e coletiva em Alvalade.

Matheus Pereira ainda acredita no título de campeão. Até porque o Sporting só está a dois pontos do líder Benfica. "Seria uma felicidade imensa ser campeão logo no meu primeiro ano como profissional. É um desejo que tenho, ser campeão. Vamos ver. Estamos a fazer um excelente trabalho. Olha-se para as estatísticas e, pelos jogos que temos feito, acho que esta época do Sporting está a ser extraordinária (...) Ainda faltam sete jogos. Acredito que com o trabalho que temos feito e dando continuidade a isso, acredito que é possível ", disse o jovem brasileiro em entrevista à Sport TV.

No plano individual, não esperava tanto e agradeceu por isso a Jorge Jesus: "O mister Jorge Jesus tem-me passado confiança, tem ajudado, tenho aprendido cada dia mais. Devo primeiro a Deus e depois ao Jorge Jesus pelo que me tem ensinado e pelo que tenho aprendido com ele. Por essa oportunidade que me deu, por ter essa confiança em mim."

Sobre Jesus. "É um treinador que incentiva o jogador a melhorar, a querer ser diferente. Está todo o tempo a puxar por ti, a querer mais de ti, é uma coisa boa que ele tem", elogiou Matheus Pereira lembrando a titularidade no clássico com o FC Porto: "Sabia que tinha de manter a tranquilidade e manter a plena convicção no meu trabalho. Foi o que o mister Jorge Jesus passou para mim, jogar como jogo os outros jogos."

E não tem dúvidas: "Está a ser uma época extraordinária, de sonho para qualquer jovem. Primeiro ano de profissional, integrado na equipa principal. Não esperava estar onde estou hoje..."

Exclusivos