Sporting com lucro de 46,5 milhões

Relatório e contas da SAD leonina enviado à CMVM apresenta valor recorde para o clube

O Sporting obteve um lucro de 46,5 milhões de euros no último semestre de 2016, comunicou esta terça-feira a SAD leonina à Comissão de Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

No documento, a Sporting SAD informa ter registado um volume de negócios de 122,8 milhões de euros, "o maior de sempre mesmo considerando apenas seis meses de atividade".

Valores que são conseguidos em parte devido às "duas maiores vendas de jogadores de sempre, João Mário por 40 milhões de euros e Slimani por 30 milhões de euros", escreve a SAD leonina.

Estes valores contrastam com os obtidos no período homólogo anterior, no qual o Sporting apresentou um prejuízo de 18,1 milhões de euros.

A SAD sportinguista declara ainda que os seus capitais próprios subiram para 21,3 milhões de euros e que atualmente dispõe de uma reserva de 3,1 milhões para a compra aos bancos das chamadas VMOC (Valores Mobiliários Obrigatoriamente Convertíveis em ações), fundamentais para garantir que a maioria do capital fica na Sporting SAD.

Ainda segundo o documento, aquele ativo "inclui cerca de 18,2 milhões de euros decorrentes de receitas de competições europeias que estão retidas pela UEFA relativas ao caso Doyen". O Sporting "aguarda por uma decisão das instâncias nacionais, situação esta que é considerada como relevante do ponto de vista jurídico", mas garante que "tem reunidas todas as condições para, quando necessário, liquidar essa responsabilidade que por sua vez está devidamente provisionada nas Demonstrações Financeiras, pelo que não afetará a rentabilidade operacional futura da Sporting SAD".

Leia o relatório e contas completo aqui.

Ler mais

Exclusivos