Sporting termina contrato com Mihajlovic, Inácio descartado

Sousa Cintra fala em período experimental e na vontade do técnico servo-croata em alterar estágio. Inácio não vai ser o sucessor. Novo treinador é apresentado até segunda-feira

Sousa Cintra revelou que o Sporting "terminou contrato" com Sinisa Mihajlovic. Na base da decisão está a vontade de Mihajlovic "querer alterar local de estágio" que faria o clube "perder 300 mil euros". Para além disto, Mihajlovic "está no período experimental", disse Sousa Cintra que garantiu que "Augusto Inácio não vai ser o treinador" que vai apresentar, seguramente, "até segunda-feira".

Sem querer revelar a nacionalidade do novo treinador disse apenas que "os sportinguistas vão gostar". E mostrou-se muito crente no sucesso desportivo. "Acredito de coração que o Sporting pode ser campeão. Vamos lutar pelo primeiro lugar, se alguém está convencido que o Sporting ficava morto com o que se passou enganaram-se todos, o Sporting vai apresentar uma equipa fortíssima."

Ler mais

Exclusivos

Premium

Adriano Moreira

O relatório do Conselho de Segurança

A Carta das Nações Unidas estabelece uma distinção entre a força do poder e o poder da palavra, em que o primeiro tem visibilidade na organização e competências do Conselho de Segurança, que toma decisões obrigatórias, e o segundo na Assembleia Geral que sobretudo vota orientações. Tem acontecido, e ganhou visibilidade no ano findo, que o secretário-geral, como mais alto funcionário da ONU e intervenções nas reuniões de todos os Conselhos, é muitas vezes a única voz que exprime o pensamento da organização sobre as questões mundiais, a chamar as atenções dos jovens e organizações internacionais, públicas e privadas, para a necessidade de fortalecer ou impedir a debilidade das intervenções sustentadoras dos objetivos da ONU.