O melhor Estoril de sempre faz história em Alvalade

Estoril vence em casa do Sporting, pela primeira vez desde 1945, e encerra a melhor época da sua história. Leões perdem invencibilidade em Alvalade e dão razão a Jardim: é preciso mais para pensar no título.

A uma semana de completar o seu 75.º aniversário, o Estoril Praia fechou, neste domingo, a melhor época da sua história, ao vencer em Alvalade, por 1-0, no encerramento da temporada 2013/14. Há 69 anos que a equipa da Linha não vencia em casa dos leões, algo que consegue pela segunda vez, a primeira desde uma goleada por 5-0 no Campo do Lumiar, em 1945.

Marco Silva é o rosto do melhor Estoril da história, que termina a I Liga no 4.º lugar, com o melhor aproveitamento pontual (60%) de sempre. O jovem técnico português, que quando chegou à Amoreira (em 2011/12) encontrou uma equipa no fundo da tabela da II Liga, consegue uma qualificação europeia pela segunda época consecutiva e confirma que está destinado a outros voos... com Alvalade como possível destino.

Leonardo Jardim já disse que o seu projeto no Sporting não está concluído, mas que "é preciso criar condições" para corresponder ao objetivo já declarado por Bruno de Carvalho: lutar pelo título em 2014/15, com um orçamento de 25 milhões de euros, menos de um terço dos de Benfica e FC Porto. A exibição contra o Estoril deu razão ao técnico: é preciso mais para poder corresponder a tal objetivo, até porque nunca nenhuma equipa - neste formado da I Liga - foi campeã com o número de pontos que o Sporting somou nesta época (67).

O Sporting procurava fechar a primeira época desde 1987 sem derrotas em Alvalade, mas o penálti convertido por Evandro, aos cinco minutos, complicou os planos leoninos. O médio brasileiro, um dos melhores na I Liga e que encaixaria facilmente em qualquer "grande", comandou um Estoril pragmático e organizado, mas que bem pode agradecer o triunfo ao guarda-redes Vagner (outro nome destinado a algo mais): defendeu um penálti de Adrien, aos 19 minutos.

Leonardo Jardim lançou Mané na primeira parte, Slimani ao intervalo e estreou Shikabala nos últimos 15 minutos, mas no segundo tempo os leões só fizeram um remate enquadrado com a baliza, por Montero, que acaba a época sem golos em 2014. Rui Patrício, note-se, não fez uma única defesa, mas o Estoril rematou mais vezes (9 contra 8) e foi sempre mais incisivo e perigoso no ataque. Alvalade despediu-se da época 2013/14 com o hino da Liga dos Campeões, mas a jogar assim a música da próxima época pode não ser tão agradável de se ouvir.

Filme do jogo:

90+4' Final do jogo! O Estoril vence o Sporting, por 1-0, golo de Evandro (5', g.p.), no encerramento da época 2013/14.

90+2' Cartão amarelo para Cédric, por derrubar Balboa.

90+2' Remate forte de João Coimbra, ao lado do alvo

90' Quatro minutos de compensação...

88' Substituição no Estoril. Saiu Evandro e entrou João Coimbra.

88' Cabeceamento de Rúben Fernandes, a sair ao lado do alvo.

86' Substituição no Estoril. Saiu Bruno Lopes e entrou Luiz Phellype, em estreia.

84' Sete remates do Sporting, cinco à baliza; sete remates do Estoril, um à baliza (de penálti). Leões têm 52% de posse de bola.

82' Caso o Estoril ganhe em Alvalade, somará a 15.ª vitória na I Liga, conseguindo o maior aproveitamento pontual de sempre.

79' Montero, de cabeça, atira para defesa segura de Vagner. Shikabala já deu um ar da sua graça, num lance em que driblou dois adversários.

77' Substituição no Sporting. Saiu Capel e entrou Shikabala, que se estreia pelo Sporting.

77' Substituição no Estoril. Saiu Carlitos e entrou João Pedro Galvão.

75' O Estoril não vence em casa do Sporting desde... 1945, na altura uma goleada por 5-0 no Campo do Lumiar.

72' Cartão amarelo para Fredy Montero, por travar um ataque do Estoril.

70' Marco Silva ainda não fez nenhuma alteração. Os atacantes do Estoril já denotam algum cansaço...

68' Remate forte de Diogo Amado, a sair por cima do alvo.

65' Diego Capel é o jogador com mais cruzamentos (cinco), ataques (cinco) e faltas sofridas em campo (quatro), mas tem perdido intensidade nos últimos minutos. Jefferson tem apoiado bem o ataque, Cédric não.

62' Carlos Mané "agitou" o ataque do Sporting, mas a ligação entre meio-campo, Montero e Slimani não está a ser bem sucedida.

59' Evandro cruza com perigo, mas Bruno Lopes não consegue o desvio. Transpira futebol e qualidade, o médio brasileiro.

58' Shikabala e Heldon são as opções de ataque que restam a Leonardo Jardim. Só pode entrar um...

56' Carlitos, na grande área, remata por cima do alvo, após cruzamento de Evandro.

53' Pontapé livre de Jefferson, em boa posição, a sair ao lado do alvo. Foi o primeiro remate do Sporting que não foi à baliza, em cinco tentativas.

52' Cartão amarelo para Carlitos, por derrubar Montero.

51' O Estoril tem espaço para ser o jogo que gosta - transições rápidas e bolas em profundidade para os avançados -, mas não faz qualquer remate há 40 minutos.

48' Leonardo Jardim arrisca com um 4x2x4, com Adrien Silva sozinho no início de construção e Fredy Montero a tentar fazer a ligação entre o setor intermediário e Slimani.

46' Início da segunda parte. Bola para o Estoril.

- Substituição no Sporting. Saiu William Carvalho e entrou Slimani.

45+3' Intervalo em Alvalade, com 0-1 para o Estoril.

45' Três minutos de compensação...

45' Cartão amarelo para Capel, por derrubar Tiago Gomes.

42' Vagner nega o empate a Carlos Mané, após lance individual do jovem extremo português.

41' Cartão amarelo para Tiago Gomes, por derrubar Diego Capel.

38' Substituição no Sporting. Saiu Carrillo e entrou Carlos Mané. O peruano sai furioso do recinto de jogo e vai diretamente para os balneários, perante alguns assobios.

36' Leonardo Jardim chama Carlos Mané. O extremo vai a jogo antes do intervalo.

34' O Estoril não faz qualquer remate há 25 minutos. A equipa de Marco Silva não tem conseguido sair em progressão do seu meio-campo.

32' Carlos Mané e Slimani aquecem no Sporting. Leonardo Jardim poderá "mexer" antes do intervalo, fruto da má exibição da sua equipa até ao momento.

30' Vagner evita o empate! No primeiro remate do Sporting de bola corrida na partida, André Martins rematou forte e rasteiro, para defesa a dois tempos do guarda-redes.

28' Sporting com 58% de posse de bola. O único remate dos leões foi através de um penálti.

24' O "trio" ofensivo do Sporting ainda não conseguiu criar nenhuma situação de finalização. O Estoril procura saídas para contra-atacar.

21' O guarda-redes do Estoril tem-se queixado muito do ombro direito desde que defendeu o penálti de Adrien. Jogo parado para que possa receber assistência.

19' Vagner defende o penálti! O guarda-redes brasileiro acertou no lado e evitou o oitavo golo de penálti de Adrien Silva na I Liga.

18' Penálti para o Sporting! Jorge Ferreira diz que Tiago Gomes derrubou André Martins na grande área. Os jogadores do Estoril não estão convencidos com a decisão...

17' Corte providencial de Rojo, a impedir que Bruno Lopes ficasse isolado.

16' O Sporting ainda não fez nenhum remate, enquanto o Estoril já rematou três vezes, uma à baliza.

13' Estoril quase fazia o 2-0. Excelente cruzado de Balboa, para a cabeça de Bruno Lopes, que falha o golo por milímetros!

10' Sporting com alguma dificuldade em "pegar" no jogo. O Estoril pressiona muito no início de construção e sai rápido para o ataque, o que causado dificuldades aos leões.

8' O Estoril, recorde-se, foi a primeira equipa visitante a vencer no Dragão desde 2008 na I Liga; hoje pode tirar a invencibilidade caseira ao Sporting em 2013/14.

5' GOLO DO ESTORIL! EVANDRO FAZ 0-1! O médio brasileiro bate rasteiro e abre o marcador em Alvalade. É o 11.º golo de Evandro na I Liga.

4' Penálti para o Estoril! Bruno Lopes entra na grande área e é derrubado por Marcos Rojo.

1' Jorge Ferreira apita para o início do jogo! Bola para o Sporting, após prestada homenagem a Joaquim Agostinho.

SPORTING: Rui Patrício; Cédric Soares, Maurício, Marcos Rojo, Jefferson; William Carvalho, André Martins, Adrien Silva; André Carrillo, Diego Capel e Fredy Montero. Suplentes: Marcelo Boeck, Eric Dier, Gérson Magrão, Carlos Mané, Heldon, Shikabala e Fredy Montero.

ESTORIL: Vagner; Mano, Yohan Tavares, Rúben Fernandes, Tiago Gomes; Diogo Amado, Gonçalo Santos; Carlitos, Evandro, Javier Balboa; Bruno Lopes. Suplentes: João Manuel, João Coimbra, Babanco, Filipe Gonçalves, João Pedro Galvão, Gerso, Luiz Phellype.

O Sporting defronta neste domingo (16.00) o Estoril Praia, em Alvalade, no jogo que encerra a época 2013/14 para duas equipas que superaram as expetativas traçadas no início da temporada: os leões garantiram o segundo lugar e o acesso à fase de grupos da Liga dos Campeões, seis anos depois, e o Estoril igualou a melhor classificação de sempre e vai à Liga Europa, restando saber se entra diretamente na fase de grupos ou no "play-off".

Separadas por 16 pontos na tabela classificativa, as duas equipas defrontam-se meramente para cumprir calendário, numa altura em que o futuro dos dois treinadores é uma incógnita: Marco Silva está em final de contrato e ainda não aceitou renovar com o Estoril, enquanto Leonardo Jardim é um técnico cobiçado no estrangeiro, apesar do vínculo contratual a Alvalade durar até 2015. Marco Silva é, precisamente, uma das possibilidades para suceder a Jardim, caso não haja entendimento para renovar.

Caso não perca com o Estoril, o Sporting terminará, pela primeira vez desde 1987, uma época sem derrotas em Alvalade, ainda que para isso muito tenha contribuída a ausência das competições europeias. Para o último jogo da época, Jardim "devolve" Montero à titularidade, com o colombiano à procura de marcar pela primeira vez em 2014. Carlos Mané, um candidato a ir ao Mundial 2014, fica no banco, em detrimento de Carrillo.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Opinião

Os irados e o PAN

A TVI fez uma reportagem sobre um grupo de nome IRA, Intervenção e Resgate Animal. Retirados alguns erros na peça, como, por exemplo, tomar por sério um vídeo claramente satírico, mostra-se que estamos perante uma organização de justiceiros. Basta, aliás, ir à página deste grupo - que tem 136 000 seguidores - no Facebook para ter a confirmação inequívoca de que é um grupo de gente que despreza a lei e as instituições democráticas e que decidiu fazer aquilo que acha que é justiça pelas suas próprias mãos.

Premium

Margarida Balseiro Lopes

Falta (transparência) de financiamento na ciência

No início de 2018 foi apresentado em Portugal um relatório da OCDE sobre Ensino Superior e a Ciência. No diagnóstico feito à situação portuguesa conclui-se que é imperativa a necessidade de reformar e reorganizar a Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT), de aumentar a sua capacidade de gestão estratégica e de afastar o risco de captura de financiamento por áreas ou grupos. Quase um ano depois, relativamente a estas medidas que se impunham, o governo nada fez.