José Maria Ricciardi explica encontro com Jesus

"Gostava que ele ficasse no Sporting, não escondo", disse o banqueiro ao DN

Jorge Jesus teve esta quarta-feira um encontro com José Maria Ricciardi num hotel de Lisboa, captado pelas câmaras da TVI. Contactado pelo DN, o banqueiro e influente sportinguista explicou ter-se tratado de um encontro casual e não qualquer reunião para convencer o técnico a ficar no Sporting, numa altura em que têm surgido notícias de uma eventual vontade de Jesus em sair de Alvalade.

"Foi um encontro fortuito. Se quisesse fazer uma reunião não ia para o bar do Ritz. Fui a esse hotel, até estava lá o Dr. Jorge Coelho, encontrar-me com um banqueiro inglês meu amigo. Quando estava na mesa o Jorge Jesus apareceu, levantei-me e falei uns minutos com ele. Não tenho nada que fazer reuniões, aprendi a respeitar as funções de cada um", referiu José Maria Ricciardi ao DN.

O membro do Conselho Leonino confessa, no entanto, a sua preferência: "Já disse que sim, que gostava que Jorge Jesus ficasse, não escondo isso. Mas isso não me cabe a mim decidir. A minha opinião é de que ele deve ficar, mas se decidirem o contrário não o posso impedir, como deve calcular. Espero bem que ele não saia", finalizou.

Ler mais

Exclusivos