Inácio fica no Sporting como diretor de relações internacionais

Leões emitiram comunicado em que anunciam a aguardada saída de Inácio da direção de futebol e revelam que o dirigente foi envolvido na escolha de Jorge Jesus, com quem não tem relações.

O Sporting anunciou esta quarta-feira, em comunicado, que Augusto Inácio, que desempenhava o cargo de diretor do futebol dos 'leões', passará a dirigir as relações internacionais do clube de Alvalade.

"Chegou o momento oportuno de Inácio abraçar este novo desafio (...) as Relações Internacionais do Sporting Clube de Portugal no que diz respeito à prospeção, desenvolvimento e operacionalização de protocolos com clubes estrangeiros, sobretudo na área da cooperação técnica", refere o comunicado do Sporting.

A mesma nota lembra que Augusto Inácio foi "figura preponderante" na estrutura desportiva para o futebol e "auxiliou na ponderação da hipótese da contratação" do treinador Jorge Jesus.

"Fê-lo com o habitual e conhecido sentido de missão e dedicação ao clube. O mesmo clube que, ao longo da época desportiva, planeou com Augusto Inácio a temporada desportiva que agora se avizinha", frisa o mesmo comunicado.

Com as novas funções atribuídas a Augusto Inácio, o Sporting considera que "o clube fica reforçado numa área por onde passa grande parte" do seu futuro.

Relembre-se que Inácio e Jesus mantém um historial de más relações desde que o atual treinador do Sporting sucedeu ao dirigente no comando técnico do Felgueiras na década de 90 do século passado.

Ler mais

Exclusivos