Conselho Diretivo anuncia queixas-crime e providências cautelares

Comissões empossadas por Jaime Marta Soares, o próprio Jaime Marta Soares e elementos demissionários dos vários órgãos são os visados pelo órgão liderado por Bruno de Carvalho

Leia o comunicado do Conselho Diretivo do Sporting na íntegra:

Em nome da transparência e do compromisso, sempre assumido, de prestação de informação total aos Sócios do Sporting Clube de Portugal comunicamos o seguinte:

1 - Os membros do Conselho Directivo do Sporting CP interpuseram uma providência cautelar contra a legitimidade da Comissão de Fiscalização nomeada pelo comendador Jaime Marta Soares;

2 - O Presidente do Conselho Directivo do Sporting CP interpôs uma providência cautelar contra a legitimidade da Comissão de Gestão nomeada pelo comendador Jaime Marta Soares;

3 - Estão também a ser ultimadas queixas-crime por calúnia e difamação contra os elementos demissionários da Mesa da Assembleia Geral, do Conselho Fiscal e Disciplinar, do Conselho Directivo e contra os elementos da Comissão de Fiscalização e da Comissão de Gestão nomeadas pelo comendador Jaime Marta Soares;

4 - Além destas acções, um grupo de Associados do Sporting CP fez chegar ao Conselho Directivo cópias de 2 providências cautelares contra a legitimidade do comendador Jaime Marte Soares bem como os actos por si praticados, e no sentido de o obrigar, assim como aos restantes membros da MAG que se demitiram, a assinarem toda a documentação necessária ao registo dos Estatutos e do Regulamento Disciplinar votado e aprovado pelos Sócios na Assembleia Geral de 17 de Fevereiro de 2018;

5 - O mesmo grupo de Associados fez também chegar ao Conselho Directivo cópia de um requerimento enviado ao comendador Jaime Marta Soares no sentido de, por um lado, garantir aos Sócios a fidedignidade e transparência dos resultados da AG de dia 23 e, por outro, assumir desde já o compromisso de respeito total e integral da vontade dos Sócios caso seja votada a não destituição do Conselho Directivo e se, neste quadro, retiram como ilação política que está a ser votada a sua saída imediata das putativas funções que exercem parando de imediato com todos os processos, de modo a que o Conselho Directivo possa trabalhar em paz, e possa ser convocada a AG para aprovação do Orçamento e Relatório de Actividades, assim como, convocar a AG eleitoral a 21 de Julho para eleger a nova Mesa da Assembleia Geral e o Conselho Fiscal e Disciplinar.

Os membros do Conselho Directivo do Sporting CP

Ler mais

Exclusivos