24 novembro 2009 às 16h51

Câmara dinamiza campanha de uso de transportes públicos em dias de futebol

A Câmara Municipal de Lisboa (CML) lançou hoje a campanha de sensibilização "Vá à bola de transportes públicos" para tentar melhorar o tráfego e o estacionamento automóvel junto aos estádios do Sporting e do Benfica em dias de jogo.

Lusa

O lançamento da campanha contou com a presença dos presidentes do Sporting e Benfica dias antes do 'clássico' lisboeta.

A operação, que incorpora a PSP, o Metropolitano de Lisboa, a Carris, a EMEL e a Emparque, visa melhorar o tráfego e estacionamento automóvel em dias de jogo nas áreas junto aos estádios da Luz e de Alvalade.

O presidente da CML, António Costa, afirmou na cerimónia ter conhecimento do "pesadelo para a vizinhança" dos estádios lisboetas que são os dias de jogo na capital, cenário que "resulta essencialmente" do facto de "muitos dos que vão ao jogo" irem de "viatura particular" e estacionarem "de forma caótica um pouco por todo o lado".

"Telheiras e a Quinta da Luz têm sido dois bairros mártir das festas do nosso futebol. Tenho a certeza que há um trabalho muito aturado feito pela PSP e pela Polícia Municipal, mas não podemos viver simplesmente sob a ameaça da multa. Uma regra fundamental que temos de adoptar é que para ir à bola devemos ir de transportes públicos", apelou o autarca.

Do plano de sensibilização, que já havia sido implementado em 2008, fazem parte medidas como o acesso gratuito aos parques da EMEL em dias de jogo e um "preço especialíssimo" nos parques da Emparque, de dois euros por seis horas.

O presidente da autarquia realçou ainda que é "perfeitamente seguro" ir ao estádio utilizando os transportes públicos.

"Irei de transporte público ver este jogo [Sporting - Benfica]. Há uma ideia errada de que não é seguro ir à bola de transportes públicos. Posso testemunhar que é absolutamente errado. Ainda domingo passado fui de metro do Estádio da Luz para casa e em total segurança", frisou António Costa.

A cerimónia de lançamento da campanha de sensibilização contou com a presença de José Eduardo Bettencourt e Luís Filipe Vieira, presidentes do Sporting e Benfica, respectivamente, para além do secretário de Estado dos Transportes, Carlos Correia da Fonseca, bem como responsáveis das empresas ligadas à campanha.

Tópicos: Desporto, Sporting