Eduardo Berizzo despedido do Sevilha

Treinador, que está a lutar contra um cancro na próstata, foi despedido devido aos maus resultados da equipa, atual 5.ª classificada na liga espanhola.

O argentino Eduardo Berizzo foi despedido esta sexta-feira do comando técnico do Sevilha, devido aos maus resultados da equipa de futebol espanhola, que não vence há quatro jogos.

"O Conselho de administração do Sevilha FC, reunido na tarde desta sexta-feira, 22 de dezembro, tomou a decisão de destituir o técnico do primeiro plantel, Eduardo Berizzo, devido aos maus resultados da equipa", refere o clube, em comunicado.

O Sevilha, que é quinto classificado na Liga espanhola e defrontará o Manchester United nos oitavos de final da Liga dos Campeões, diz ainda já ter iniciado conversações para a contratação de um novo técnico. "Espera-se que se incorpore no regresso do plantel, após as férias de Natal", acrescenta o clube, sem avançar nomes.

Eduardo Berizzo, que assumiu esta época o cargo de treinador do Sevilha, esteve ausente durante parte de novembro e dezembro, depois de ter sido diagnosticado e operado a um cancro na próstata. A imprensa chegou a dizer que o treinador argentino revelou aos jogadores que tinha cancro no intervalo do jogo da 'Champions', com o Liverpool, em que a equipa andaluza perdia por 3-0 e recuperou no marcador até chegar a uma igualdade a 3-3.

Exclusivos

Premium

Legionela

Maioria das vítimas quer "alguma justiça" e indemnização do Estado

Cinco anos depois do surto de legionela que matou 12 pessoas e infetou mais de 400, em Vila Franca de Xira, a maioria das vítimas reclama por indemnização. "Queremos que se faça alguma justiça, porque nunca será completa", defende a associação das vítimas, no dia em que começa a fase de instrução do processo, no tribunal de Loures, que contempla apenas 73 casos.