Moutinho espera ajudar Ronaldo "a fazer a diferença"

O médio do AS Mónaco considera que a seleção portuguesa tem "o melhor jogador do mundo", mas lembra que Ronaldo só fará a diferença se a equipa o permitir.

O médio português João Moutinho considera que Portugal terá, naturalmente, dificuldades no Mundial 2014, no Brasil, mas salientou que a equipa é unida e tem o melhor jogador do Mundo, o extremo Cristiano Ronaldo.

"[Os melhores argumentos?] São a nossa equipa, o nosso grupo. Somos solidários, cada um faz o seu trabalho. E depois temos Cristiano Ronaldo, o melhor jogador do Mundo, o mais decisivo". Disse João Moutinho, em entrevista à agência France-Presse.

O médio, antigo jogador do Sporting e do FC Porto, e que alinha nos franceses do AS Mónaco, reconheceu ter uma boa ligação com Ronaldo no jogo, com passes decisivos, mas salientou que é a equipa, enquanto um todo, que importa. "Não sou apenas eu, nem apenas o Cristiano", referiu.

O extremo do Real Madrid, que no sábado esteve na conquista da décima Liga dos Campeões pelos "merengues" - ao bater na final o Atlético Madrid (4-1 no prolongamento) -, é um jogador, que segundo Moutinho, pode fazer a diferença.

"Ele fará a diferença. Todos sabem que é o melhor do Mundo. Espero que faça a diferença, mas, para isso, precisa de uma grande equipa a ajudá-lo", sublinhou.

No Mundial, Portugal integra o grupo G, com Alemanha, Gana e Estados Unidos, num sorteio que não foi favorável à equipa das "quinas", na opinião do médio.

"É um grupo difícil. Precisamos de estar focados e fazer tudo para passar. O nosso primeiro jogo será muito importante, frente a uma grande equipa como a Alemanha. Já jogámos contra eles e conhecemo-los. Temos que avançar dia-a-dia", referiu.

João Moutinho falou ainda das ligações históricas entre Portugal e Brasil, ou da amizade com Luiz Felipe Scolari, selecionador da equipa "canarinha" e que foi quem chamou o médio português à seleção quando treinava Portugal.

"É certo que os brasileiros vão apoiar a sua seleção. Mas também Portugal, acredito nisso. Para nós é bom disputar este mundial no Brasil", referiu João Moutinho, dizendo que gostaria de dizer à filha e aos amigos que "ganhou o Mundial".

O médio disse ainda que se sente melhor do que no início de época e que pensa que estará no topo.

"Trabalho todos os dias para estar e penso que estarei no topo. É um sonho disputar este Mundial, não estive em 2010 [O então selecionador Carlos Queiroz não o convocou]. Temos a ambição de fazer um grande Mundial", disse ainda João Moutinho.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG