Portugal conclui renascimento com vitória na Islândia (1-3)

Paulo Bento tinha o objectivo de somar seis pontos nos dois primeiros como seleccionador nacional. E cumpriu-o. Esta terça-feira, Portugal venceu na Islândia, por 3-1, num jogo marcado por grandes golos e fífias dos guarda-redes.

Após a vitória da sexta-feira passada sobre a Dinamarca (3-1), a selecção lusa queria voltar a vencer, para completar o renascimento na campanha de apuramento para o Euro 2012. E conseguiu-o. Em Reiquejavique, a Islândia só por breves momentos (lançamentos longos e bolas paradas) causos calafrios à defesa portuguesa. E a inspiração dos futebolistas lusos resolveu a contenda.

Mal os portugueses tinham pronunciado o nome do Estádio Laugardalsvöllur e já Cristiano Ronaldo fazia funcionar o seu marcador electrónico. Foi ao três minutos que o avançado adiantou Portugal, num livre directo forte e colocado.

Depois, a Islândia ainda reagiu, pôs em sentido a defesa portuguesa e chegou ao empate. Aos 17', Helguson cabeceou, a bola bateu no chão e Eduardo deixou-a passar, parecendo mal batido.

O desnorte momentâneo não impediu a selecção nacional de voltar à vantagem, graças a um grande golo de Raul Meireles. Ao minuto 27, o médio do Liverpool disparou uma bomba, a 25 metros da baliza islandesa, sem hipóteses para o guarda-redes Gunnleifsson. E, a partir daí, apesar de uma ou outra investida nórdica, Portugal geriu a partida.

Na segunda parte, o "sinal mais" dos lusos foi mais evidente. Mas o golo só chegou ao minuto 72, em mais um momento de inspiração de Ronaldo, coroado com uma fífia de um guarda-redes. O avançado madeirense trabalhou bem na direita, cruzou... e o guardião islandês não conseguiu segurar a bola. Quem aproveitou foi Hélder Postiga, que atirou para o 1-3 final.

Com esta vitória, Portugal continua no 2.º lugar do Grupo H, mas agora a apenas dois pontos da Noruega. Contudo, os lusos têm mais um jogo do que todos os outros rivais do grupo.

Equipas:
Islândia: Gunnleifur Gunnleifsson, Grétar Rafn Steinsson, Ragnar Sigurdsson, Kristján Orn Sigurdsson, Indridi Sigurdsson (Arnór Sveinn Adalsteinsson, 85), Helgi Valur Danielsson, Birkir Már Saevarsson (Veigar Páll Gunnarsson, 85), Ólafur Ingi Skúlason, Eidur Smari Gudjohnsen, Heidar Helguson e Theodór Elmar Bjarnason (Gunnar Heidar Porvaldsson, 68).
Portugal: Eduardo, João Pereira, Pepe, Ricardo Carvalho, Fábio Coentrão, Raul Meireles, Carlos Martins (Tiago, 76), João Moutinho, Nani (Danny, 87), Cristiano Ronaldo e Hugo Almeida (Hélder Postiga, 65).

Classificação do Grupo H de qualificação para o Euro 2012:
1.º Noruega - 9 pontos
2.º Portugal - 7
3.º Dinamarca - 6
4.º Chipre - 1
5.º Islândia - 0

Ler mais

Exclusivos