Conheça os possíveis adversários de Portugal no Brasil

Há grandes possibilidades de Portugal ficar num grupo de elevada dificuldade no Mundial 2014, uma vez que a seleção nacional integrará o pote 2.

Com presença garantida no Mundial 2014, após eliminar a Suécia no "play-off", Portugal dificilmente poderá contar com um sorteio "simpático". A seleção nacional já sabe, garantidamente, que integrará o pote 2 do sorteio que se realizará a 6 de dezembro e poderá ter pelo caminho dois "tubarões".

Neste momento, já são conhecidos 30 dos 32 finalistas, mas não será difícil adivinhar quem serão os últimos dois: Uruguai (5-0 na Jordânia) e México (5-1 à Nova Zelândia) não deverão ter que cumprir mais do que calendário na segunda mão do "play-off", sendo que a Jordânia até admite faltar ao jogo.

Assim, o Uruguai juntar-se-á a Brasil, Espanha, Alemanha, Argentina, Colômbia, Bélgica e Suíça no pote 1. Quer isto dizer que Portugal defrontará uma destas equipas na fase de grupos.

Mas nem tudo são más notícias: Holanda, Itália e Inglaterra não poderão ser adversárias de Portugal, pois estão no pote 2, tal como a seleção nacional. Grécia (de Fernando Santos), Bósnia, Croácia e Rússia também não são potenciais adversárias.

No pote 3, dominado pelas seleções africanas, a França é o nome a evitar. Chile, Costa do Marfim, Gana, Equador, Argélia, Nigéria e Camarões são as equipas que integram este lote e uma delas defrontará Portugal.

Por fim, no pote 4, o México deverá confirmar o apuramento e ser a equipa teoricamente mais forte desta lista. Estados Unidos da América, Costa Rica, Japão, Honduras, Irão, Austrália e Coreia do Sul são as outras equipas e uma delas também será adversária de Portugal na fase de grupos.

Ler mais

Exclusivos

Premium

educação

O que há de fascinante na Matemática que os fez segui-la

Para Henrique e Rafael, os números chegaram antes das letras e, por isso, decidiram que era Matemática que seguiriam na universidade, como alunos do Instituto Superior Técnico de Lisboa. No dia em que milhares de alunos realizam o exame de Matemática A, estes jovens mostram como uma área com tão fracos resultados escolares pode, afinal, ser entusiasmante.