Quim Berto deixa de ser treinador do Varzim

O técnico de 44 anos deixa a Póvoa após uma série de cinco derrotas consecutivas

O Varzim, da II Liga de futebol, anunciou a rescisão de contrato com o treinador Quim Berto, que orientava a equipa desde a época passada.

A decisão foi tomada após a derrota frente ao Académico de Viseu (4-2), que culmina uma série de cinco desaires consecutivos da equipa poveira (três para o campeonato, um para a Taça da Liga e outro para a Taça de Portugal).

No regresso à Póvoa de Varzim, os responsáveis do clube reuniram-se com o técnico, de 44 anos, e acertaram a rescisão do vínculo que era válido até ao final da próximo temporada.

Quim Berto assumiu o comando do Varzim no final da época passada, ainda no Campeonato Nacional de Seniores, depois do despedimento de Vítor Paneira, e orientou os últimos jogos que levaram os 'alvinegros' a conseguir a subida à II Liga.

Nesta época, o técnico conseguiu apenas quatro vitórias para o campeonato, além de um empate e seis derrotas. A equipa ocupa atualmente a 18.ª posição, apenas dois pontos acima dos lugares descida.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG