PS quer ouvir presidente da Autoridade Antidopagem

Rogério Jóia, presidente da Autoridade Antidopagem de Portugal, acusou na RTP responsáveis de instituições ligadas à Justiça de furtarem informações para as entregar a pessoas ligadas ao desporto

Foi requerida nesta quarta-feira a audição de Rogério Jóia, presidente da Autoridade Antidopagem de Portugal (ADoP), por parte dos deputados do Partido Socialista que integram a Comissão de Cultura, Comunicação, Juventude e Desporto.

Para os deputados João Torres, António Cardoso, João Castro, Gabriela Canavilhas, Carla Sousa, Diogo leão, Ivan Gonçalves e Norberto Patinho estão em causa afirmações der Rogério Jóia no Programa "Linha da Frente", da RTP, nas quais "acusou os responsáveis de instituições estatais ligadas à Justiça de furtarem informações para as entregar a pessoas ligadas ao desporto" e, dessa forma, "tentarem condicionar e coagir decisões ou nomeações".

Os referidos deputados consideram que "a suspeição levantada constitui motivo de preocupação e deve ser cabalmente esclarecida, a bem da imagem do Desporto e do bom funcionamento das instituições".

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG