Spilak vence e Froome conserva a amarela no Dauphiné

Ciclista esloveno da Katusha venceu a solo a quinta etapa da prova, que ligou Sisteron e La Mure, numa jornada em que Alberto Contador testou as forças do líder da corrida.

O ciclista esloveno Simon Spilak (Katusha) venceu esta quinta-feira a quinta etapa do Critério do Dauphiné, chegando sozinho a La Mure, numa tirada em que o espanhol Alberto Contador (Tinkoff-Saxo) atacou o britânico Chris Froome (Sky), mas o líder da prova francesa respondeu à altura.

Spilak, que deu a segunda vitória consecutiva à sua equipa, depois do russo Yury Trofimov, completou os 189,5 quilómetros entre Sisteron e La Mure, em 4.51.24 horas, depois de levar a sua fuga até ao final e conseguir guardar 14 segundos de avanço para o holandês Wilco Kelderman (Belkin) e para o britânico Adam Yates (Orica-GreenEdge), segundo e terceiro classificados, respetivamente.

Este duo antecipou-se por dois segundos ao primeiro pelotão, no qual vinham integrados Froome e Contador, depois de o camisola amarela ter resistido ao ataque lançado pelo espanhol a 30 quilómetros da chegada.

Com o apoio do colega português Sérgio Paulinho, 'El Pistolero' distanciou-se na subida para Laffey e chegou a ter um minuto de avanço, mas o comboio da Sky acabou por fazer a junção, defendendo o seu líder, vencedor da prova em 2013, antes de ganhar a Volta a França.

Na parte final sucederam-se alguns ataques no grupo principal, nomeadamente do italiano Vincenzo Nibali (Astana), mas foi Kelderman quem ganhou o espaço suficiente para chegar em terceiro e, com a bonificação, ganhar nove segundos a Froome e Contador, colocando-se a par do espanhol, a 12 segundos do comandante.

Sérgio Paulinho e o colega Bruno Pires cruzaram a linha juntos (94.º e 95.º) num terceiro grupo, a 10.45 minutos do vencedor da tirada. Na geral, Paulinho segue agora no 84.º posto, a 27.44 minutos, e Pires é o 95.º, a 34.08.

Esta sexta-feira, a sexta etapa vai ligar Grenoble a Poisy, na distância de 178,5 quilómetros, apresentando apenas três contagens de montanha de quarta categoria.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG