João Sousa na segunda ronda do Open da Austrália

Feito inédito para o tenista português, alcançado após bater o atleta da casa, John Patrick em três sets.

O tenista português João Sousa qualificou-se na madrugada desta terça-feira pela primeira vez para a segunda eliminatória de um torneio do Grand Slam, ao vencer o australiano John Patrick em três sets na estreia no Open da Austrália.

João Sousa bateu Patrick, 237.º colocado do ranking mundial, pelos parciais de 6-4,6-1 e 6-4, ao longo de 1.52 horas, e marcou encontro com o número três do mundo, o britânico Andy Murray, atual campeão olímpico, semi-finalista em 2012 e finalista nos dois anos anteriores na Austrália.

O tenista de Guimarães, 100.º classificado e melhor português na hierarquia mundial da modalidade, repetiu a proeza de Nuno Marques, em 1991, e de Frederico Gil, em 2011 e 2012, que também passaram a ronda inaugural nos courts de piso rápido da prova australiana, tendo Gil chegado mesmo à terceira eliminatória no ano passado.

Exclusivos