Félix da Costa sondado para F1 por investidores estrangeiros

O promissor piloto português, 19 anos, impressionou em Abu Dhabi

Dois investidores estrangeiros que costumam estar atentos a jovens pilotos que desfrutam da oportunidade de testar monolugares da Fórmula 1 sondaram António Félix da Costa e os representantes deste na terça-feira, numa perspectiva de futuro.

O promissor piloto português, 19 anos, impressionou o circo da disciplina máxima do automobilismo mundial em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos, ao ser, aos comandos de um Force India, o terceiro mais rápido - cumpriu 77 voltas à pista - entre 14 pilotos rookies (estreantes) na Fórmula 1.

Félix da Costa ambiciona chegar à Fórmula 1 em "dois/três anos", desejo que expressou ao DN na terça-feira. E o facto de ter já investidores dispostos a apostar na sua carreira é, nesta fase, um excelente indicador para um eventual ingresso do piloto na disciplina máxima do automobilismo.

Tiago Monteiro, o último português a marcar presença na Fórmula 1 e manager de Félix da Costa, não tem dúvidas: "Ele é um predestinado, um fora-de-série. António tem todas as condições para atingir a Fórmula 1", disse ao DN.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG