Favoritas superam primeira ronda, Teresinha na repescagem

A havaiana Carissa Moore e as australianas Tyler Wright, Stephanie Gilmore e Sally Fitzgibbons qualificaram-se hoje para a terceira ronda do Cascais Girls Pro, enquanto a surfista portuguesa Teresa Bonvalot foi relegada para a repescagem.

No arranque da oitava e última etapa do circuito mundial de surf feminino, na praia de Carcavelos, no concelho de Cascais, Gilmore, que detém o título de campeã e já ganhou o circuito em 2007, 2008, 2009 e 2010, foi a primeira a qualificar-se, ao derrotar no primeiro "heat" a sul-africana Bianca Buitendag e a brasileira Silvana Lima.

A lutar pela conquista do título de 2013, Moore e Wright não facilitaram e levaram de vencida, respetivamente, Malia Manuel e Teresa Bonvalot e Alana Blanchard e Sofia Mulanovich, enquanto a Fitzgibbons manteve as suas remotas esperanças de chegar à dianteira, ao derrotar as compatriotas Laura Enever e Rebecca Woods.

Moore, que conta no seu historial com o triunfo no Rip Curl Pro Portugal, disputado em Peniche, em 2010, lidera o circuito com 200 pontos de vantagem sobre Wright, enquanto Fitzgibbons está a 5.300 pontos do primeiro lugar.

Também já apuradas para a terceira eliminatória estão as norte-americanas Courtney Conlogue e Lakey Peterson, enquanto as restantes 12 surfistas, entre as quais a representante lusa, vão iniciar, provavelmente, na sexta-feira a luta pela permanência em competição na ronda de repescagem, a disputar na praia do Guincho.

Nessa ronda, Teresinha vai medir forças no terceiro "heat" com a havaiana Coco Ho, sétima do "ranking" Mundial e que venceu o Rip Curl Search disputado em Peniche, em 2009.

A organização prevê reatar a competição na sexta-feira, a partir das 08:00, estando agendada uma avaliação das condições do mar meia hora antes.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG