Cavendish é o novo campeão do Mundo

O ciclista britânico, Mark Cavendish, sagrou-se este sábado, pela primeira vez na sua carreira, campeão do Mundo de estrada em elites. Rui Costa foi o melhor português ao terminar em 15º, em Copenhaga.

Mark Cavendish, de 26 anos, deu hoje a segunda medalha de ouro à Grã-Bretanha, ao vencer ao 'sprint' a prova que elegeu o novo campeão do Mundo de estrada em ciclismo. Cavendish cumpriu os 266 quilómetros em 5h,40m,27s.

O ciclista britânico correspondeu da melhor forma possível ao trabalho que a sua selecção preparou durante toda a prova, por vezes com a contribuição da selecção alemã.

Com a medalha de prata ficou o australiano Matthew Goss, que chegou logo a trás,do seu colega da HTC- Highroad, equipa que vai ser extinta no final desta época velocipédica, apesar de ser a formação com mais vitórias esta temporada.

O alemão Andre Greipel completou o pódio, ao ser terceiro na meta, embora, foi preciso recorrer ao 'photo finish', pois o suíço, Fabian Cancellara, por poucos milímetros não lhe roubou o lugar.

Portugal levou para a Dinamarca seis atletas para participar na prova de elites masculinas, e conseguiu colocar dois ciclistas dentro do top-20, com Rui Costa a ser o melhor atleta nacional, ao acabar em 15.º. Na posição seguinte surge Manuel Cardoso, que era à partida o líder da selecção portuguesa, caso a prova terminasse ao sprint, com se veio a verificar. André Cardoso terminou em 41.º, e Filipe Cardoso acabou em 58.º. O vencedor da Volta a Portugal, Ricardo Mestre, também esteve presente e finalizou em 59º, todos estes cinco ciclistas portugueses chegaram com o mesmo tempo do vencedor.

A 8m,54s chegou o derradeiro atleta português, Nelson Oliveira, que terminou 122º, o atleta luso esteve envolvido numa queda enquanto a prova ia na sua metade, esse infortúnio impossibilitou o português de voltar novamente à frente da corrida, bem como o antigo campeão em título, o norueguês, Thor Hushovd.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG