Álvaro Parente abandona corrida depois de abalroamento

O piloto português Álvaro Parente (Ocean) foi hoje obrigado a abandonar a primeira corrida do Grande Prémio de GP2, no Autódromo do Algarve, quando seguia na nona posição, após ter abalroado o mexicano Sergio Perez (Telmex Arden).

A primeira corrida do Grande Prémio de GP2 e a derradeira da temporada foi ganha pelo piloto germânico Nico Hulkenberg (Art Grande Prix), que chegou a Portimão com o título de campeão de 2009 garantido, culminando as 37 voltas ao circuito, em 1:03.43,837 horas.

Parente, que sábado falhou a sessão de qualificação devido a problemas na caixa de velocidades, partiu hoje do último lugar da grelha, conseguiu recuperar várias posições, mas no início da 23.ª volta, quando tentava o oitavo posto, não evitou o embate com o carro do piloto mexicano que seguia à sua frente, no final da recta da meta.

"Não há muito a dizer. Estava a correr bem, e quando tentei ganhar mais uma posição, o outro carro não me deixou espaço na curva, e bati", disse Álvaro Parente.

O piloto português da Ocean Racing, considerou "um acidente de corrida", acrescentando que não estava arrependido com o seu erro, e garantindo que "voltava a fazer o mesmo".

"Não ia tirar o pé do acelerador para o deixar passar", observou.

Álvaro Parente que domingo sai da 17.ª posição da grelha, assegurou que vai tentar "recuperar o máximo de lugares possíveis", reconhecendo que a tarefa "não será fácil".

Melhor prestação teve o outro piloto português, Ricardo Teixeira (Tridente Racing) que terminou a corrida no 14.º posto, cumprindo as 37 voltas ao circuito de Portimão em 1:04.21,980 horas, a 38,143 segundos do vencedor.

O italiano Luca Filippi (Super Nova) conquistou o segundo lugar, com o tempo de 1:03.53,567 horas, tendo o brasileiro Di Grassi (Fat Burner) alcançado o terceiro lugar do pódio, a 9,936 segundos.

A segunda corrida do Grande Prémio da Europa de GP2 realiza-se domingo, às 12:55, onde os pilotos terão de cumprir 26 voltas ao percurso, ou 45 minutos de corrida.

Classificação da primeira corrida:

1. Nico Hulkenberg (Art Grand Prix) 1:03.43,837 horas. 2. Luca Filippi (Super Nova) a 9,730 segundos. 3. Di Grassi (Fat Burner) a 9,936. 4. Vitaly Petrov (Barwa Addax) a 10,360. 5. Roldan Rodriguez (Piquet GP) a 15,095. 6. Mochael Herck (DPR) a 15,418. 7. Kamui Kobayashi (Dams) a 24,097. 8. Davide Valsecchi (Barwa Addax) a 29,337. 9. Andreas Zuber (Party Poker) a 32,301.10. Davide Rigon (Tridente Racing) a 33,012....14. Ricardo Teixeira (Trident Racing) a 38,143.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG