Marchesín assina por duas temporadas com o Celta Vigo

O guarda-redes argentino deixa FC Porto a três meses e meio do Mundial.

O guarda-redes internacional argentino Agustín Marchesín deixou o campeão nacional FC Porto para assinar por duas temporadas pelo Celta de Vigo, com outra de opção, anunciou esta terça-feira o clube da Liga espanhola.

Depois de na segunda-feira ter anunciado um princípio de acordo com os dragões para a transferência de Marchesín, o clube galego oficializou a contratação do jogador.

O guarda-redes, de 34 anos, foi indiscutível em 2019/20 e 2020/21, ao somar 84 jogos, mas perdeu a titularidade para o internacional português Diogo Costa em 2021/22 e apenas evoluiu nove vezes no onze, despedindo-se dos dragões a três meses e meio do Mundial de 2022.

Agustín Marchesín foi titular na vitória do FC Porto sobre o Tondela, da II Liga (3-0), no sábado, em Aveiro, na 44.ª edição da Supertaça Cândido de Oliveira, tendo beneficiado da suspensão de Diogo Costa para arrebatar o sexto título com os campeões nacionais.

Adquirido ao América (2016-2019), o internacional argentino sai dos dragões depois de ter participado em duas dobradinhas (2019/20 e 2021/22) e vencido outra Supertaça (2020), sendo ainda considerado o melhor guarda-redes da I Liga (2019/20).

O novo guarda-redes do Celta tem oito internacionalizações pela Argentina, que, em 2021, ajudou a terminar uma seca de 28 anos sem êxitos na Copa América, numa carreira iniciada no Lanús (2009-2014) e evoluída no México, com Santos Laguna (2014-2016) e América.

O FC Porto consumou a 10.ª saída no mercado de transferências de verão, depois dos defesas Chancel Mbemba, Carraça, Diogo Leite e Rúben Semedo, dos médios Sérgio Oliveira, Mamadou Loum, Vitinha e Fábio Vieira e do avançado Francisco Conceição.

Os detentores da Taça de Portugal e da Supertaça Cândido de Oliveira iniciam a defesa do título de campeão nacional com uma receção ao Marítimo, no sábado, às 20:30, no Estádio do Dragão, no Porto, em jogo da jornada inaugural da edição 2022/23 da I Liga.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG