Leicester tenta acabar com o maior jejum de campeões inéditos

Liga inglesa é a que está há mais tempo sem um campeão inédito: 38 anos. Nottingham Forest pode ter sucessor esta época

Não é por acaso que foi, e continua a ser, o mais inacreditável desfecho da história do futebol inglês. Em 1978, Brian Clough, um dos melhores treinadores da história do futebol europeu, fez o impensável: conduziu o recém-promovido Nottingham Forest à conquista da Liga inglesa, com sete pontos de avanço sobre o poderoso Liverpool, então campeão europeu.

Já lá vão 38 anos desde a célebre conquista. E desde então nenhum outro clube inglês conseguiu sagrar-se campeão pela primeira vez. A Liga inglesa é aquela que está há mais tempo sem conhecer um campeão inédito, mas o Leicester City está na calha para quebrar este longo jejum.

A sete jornadas do final da Premier League, a equipa de Claudio Ranieri leva cinco pontos de avanço sobre o Tottenham (não é campeão desde 1961 e luta pelo terceiro título da sua história) e 11 sobre o Arsenal, que tem um jogo a menos.

Leia mais na edição impressa ou no e-paper do DN

Exclusivos