Judoca Jorge Fonseca conquista prata no Grand Slam da Mongólia

O português perdeu na luta pelo ouro com o russo Matvey Kanikovskiy.

O judoca português Jorge Fonseca, bicampeão mundial, conquistou este domingo a medalha de prata em -100 kg no Grand Slam de Ulan Bator, na Mongólia, competição que marca o arranque do apuramento olímpico para Paris 2024.

Na final, o número 1 do ranking mundial defrontou o campeão europeu de juniores, o russo Matvey Kanikovskiy, que competiu sob a bandeira da federação internacional, perdendo por waza-ari nos primeiros minutos do duelo.

O judoca português foi incapaz de criar dificuldades ao oponente, de 20 anos, que venceu com uma vantagem de waza-ari alcançada depois de efetuar uma projeção com uchi-mata.

Em Ulan Bator, Jorge Fonseca estreou-se na segunda eliminatória, vencendo o cazaque Nurlykhan Sharkhan (174.º do mundo), por acumulação de shidos do oponente, e nos quartos de final eliminou o mongol Gonchigsuren Batkhuyag, que apenas cedeu no golden score por waza-ari.

Nas meias-finais, o bicampeão mundial superou, com um ippon em apenas nove segundos, o atual campeão europeu, o neerlandês Michael Korrel, número seis da hierarquia e quarto cabeça de série no torneio, apurando-se para a final, na qual foi derrotado por Kanikovskiy.

Esta foi a primeira competição de Jorge Fonseca, depois do judoca ter sido afastado de forma inesperada logo no primeiro combate dos Europeus de Sófia, em 01 de maio.

Fonseca foi campeão mundial em 2019 e 2021, tendo conquistado no ano passado a medalha de bronze nos Jogos Olímpicos Tóquio 2020, a terceira do judo português no maior evento mundial, depois das conquistas de Nuno Delgado, em Sydney 2000, e Telma Monteiro, no Rio 2016.

Na categoria de -90 kg, Anri Egutidze começou por vencer o mongol Munkhtulga Darmaabazar com um ippon no golden score, depois de um empate em waza-ari nos quatro minutos do combate.

Contudo, na ronda seguinte, o judoca luso acabou por ser eliminado pelo neerlandês Noël van 't End, 16.º do ranking mundial, ao somar o terceiro shido durante o golden score.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG