Troféu de melhor do mundo passa a premiar a época e não o ano civil

Prémios Best, da FIFA, serão entregues em outubro, em Londres

O Conselho da FIFA decidiu esta terça-feira propor a alteração das regras de atribuição do prémio de melhor jogador do mundo, que passa a premiar o melhor futebolista durante uma temporada desportiva e não durante um ano civil.

Assim, e caso a proposta seja aceite pelo Congresso, quinta-feira, a próxima distinção vai ser destinada ao melhor jogador da época 2016/17 e será entregue numa cerimónia em Londres, a 23 de outubro - outra alteração, já que até aqui a cerimónia se realizava em janeiro.

Recorde-se que o internacional português Cristiano Ronaldo já venceu por quatro vezes o prémio atribuído pela FIFA.

Entre as decisões de hoje do Conselho da FIFA, reunido em Manama (Bahrein), destaque também para a ratificação da nova distribuição de vagas para o campeonato do mundo de futebol, a partir da edição de 2026 (o primeiro alargado a 48 seleções). Assim, a UEFA fica com 16 lugares, a confederação africana com 9,5; a asiática com 8,5; as duas confederações americanas (CONMEBOL E CONCACAF) têm 6,5 e a Oceânia 1,5.

O modelo estipula uma eliminatória intercontinental para atribuir as duas últimas vagas, envolvendo seis seleções.

Ler mais

Exclusivos