Treinador português Paulo Sousa deixa comando técnico do Tianjin Quanjian

O clube encontra-se no 13.º lugar, a cinco pontos da zona de despromoção. Vítor Pereira está na liderança, a quatro pontos do 2.º classificado

O treinador português de futebol Paulo Sousa deixou o comando técnico do Tianjin Quanjian, por mútuo acordo com o clube, anunciou hoje o 13.º classificado da superliga chinesa.

A seis jogos do final do campeonato, o Tianjin Quanjian está em 13.º lugar e a cinco pontos da zona de despromoção.

Paulo Sousa assinou pelo Tianjin Quanjian em novembro do ano passado, substituindo o italiano Fabio Cannavaro, atual técnico dos campeões chineses do Guangzhou Evergrande e segundo classificado na corrente época.

Já a equipa do antigo treinador do FC Porto, Vítor Pereira, segue na liderança, a quatro pontos do 2.º classificado.

A superliga chinesa é disputada por dezasseis equipas e decorre entre março e outubro.

Antigo internacional português, Paulo Sousa jogou no Benfica, Sporting, Juventus, Borussia Dortmund, Inter Milão, entre outros clubes.

Como técnico, o português passou, entre outros, pela Fiorentina, pelos ingleses do Queens Park Rangers, Swansea City e Leicester City, os suíços do Basileia, pelos quais se sagrou campeão, além de ter orientado a seleção portuguesa de sub-16.

Ler mais

Exclusivos