Roger Federer segue imparável e apura-se para a final de Indian Wells

Tenista suíço somou a 17.ª vitória em outras tantas partidas, em 2018. Na final do torneio de Indian Wells vai ter pela frente Juan Martin del Potro.

E vão 17 vitórias consecutivas para Roger Federer. O tenista suíço, que está a viver o melhor início de época de sempre na sua carreira profissional, apurou-se este sábado para a final do torneio de Indian Wells (EUA), ao vencer o croata Borna Coric, por 5-7, 6-4 e 6-4.

Federer, de 36 anos e atual n.º1 do ranking mundial, já quebrou o recorde de 16 triunfos seguidos que alcançara na época de 2006 (quando tinha 24 anos). Apesar da dura resistência do croata Coric (que ainda venceu o primeira set), o suíço conseguiu mesmo vencer e apurar-se para a final, onde vai lutar pelo sexto triunfo no torneio de Indian Wells.

Pela frente, na final de domingo, Roger Federer terá o argentino Juan Martin del Potro - que, na outra semi-final, bateu o canadiano Milos Raonic, por 6-2 e 6-3.

Exclusivos

Premium

Maria Antónia de Almeida Santos

Uma opinião sustentável

De um ponto de vista global e a nível histórico, poucos conceitos têm sido tão úteis e operativos como o do desenvolvimento sustentável. Trouxe-nos a noção do sistémico, no sentido em que cimentou a ideia de que as ações, individuais ou em grupo, têm reflexo no conjunto de todos. Semeou também a consciência do "sustentável" como algo capaz de suprir as necessidades do presente sem comprometer o futuro do planeta. Na sequência, surgiu também o pressuposto de que a diversidade cultural é tão importante como a biodiversidade e, hoje, a pobreza no mundo, a inclusão, a demografia e a migração entram na ordem do dia da discussão mundial.