Real Madrid desfila a taça dos Campeões em cidade em euforia

Milhares de adeptos juntaram-se a Ronaldo, Pepe e companhia nos festejos da "undécima"

O Real Madrid, que sábado conquistou o seu 11.º título de campeão europeu de futebol, deixou hoje a capital espanhola em euforia, passeando o troféu em vários pontos estratégicos da cidade perante muitos milhares de adeptos.

Os pupilos de Zinedine Zidane têm-se desmultiplicado em eventos desde a manhã, sendo saudados por adeptos em êxtase horas depois do triunfo sobre o rival Atlético de Madrid, por 5-3, no desempate nos penaltis, depois do 1-1 registado no fim do tempo regulamentar e do prolongamento.

Depois de tirar fotos com os fãs, os futebolistas desfilaram com a taça numa passarela em redor da fonte dedicada à deusa Cibele, que foi coberta com a bandeira do Real Madrid.

Ao fim do dia o encontro foi na câmara municipal, em cuja varanda o presidente do clube se dirigiu aos adeptos para lhes manifestar o "orgulho" da equipa pela forma como a apoiaram.

"Sabíamos que estes jogadores, comandados por Zinedine Zidane, são capazes de atingir o que para muitos é impossível", resumiu Florentino Pérez.

A festa começou logo após o fim do desafio de Milão, Itália, sendo que às seis da madrugada, ainda havia muitos adeptos a festejar na praça Cibeles, ao som de músicas tecno.

"Final épico da Liga dos Campeões. Parabéns a todos os madridistas pela 11.ª e coragem para o Atlético. Hala Madrid", escreveu no Twitter o primeiro-ministro Mariano Rajoy, adepto confesso da equipa 'merengue'.

Cristiano Ronaldo, que marcou o quinto e decisivo penalti, e Pepe foram titulares na equipa do Real Madrid que voltou a fazer história.

Ler mais

Exclusivos