Presidente da UEFA diz que ainda há "muita confusão" com o videoárbitro

Há grandes probabilidade de ser usado no Mundial 2018, na Rússia, mas só no início de março é que vai ser tomada essa decisão

O presidente da UEFA, Aleksander Ceferin, considerou hoje que ainda há "muita confusão" em torno do videoárbitro (VAR), descartando a sua utilização na Liga dos Campeões da próxima temporada.

"Ninguém sabe exatamente como funciona. Ainda há muita confusão", disse Ceferin, acrescentando que não é contra o sistema, apenas considera que tem de ser melhor explicado.

Na abertura do 42.º Congresso ordinário da UEFA, em Bratislava, o eslovaco adiantou que o VAR não será ainda utilizado na Liga dos Campeões de 2018/19, esperando para ver como funcionará no Mundial2018, na Rússia.

Poderá ser um bom projeto, útil para o futebol, mas não nos podemos precipitar a tomar esse tipo de decisões

O VAR está a ser utilizado em vários campeonatos, como o português, e há grandes probabilidade de ser usado no Mundial da Rússia, com o International Board, organismo que tutela as leis do jogo, a tomar uma decisão sobre essa possibilidade no início de março.

Exclusivos