De Coimbra ao Rio de Janeiro. Nadar 7.888 kms numa piscina

A iniciativa, intitulada "12 horas a nadar Coimbra-Rio de Janeiro", começa este sábado

Nadadores amadores e federados tentam somar, no sábado, nas piscinas municipais de Coimbra, os 7.888 quilómetros que separam esta cidade portuguesa do Rio de Janeiro, Brasil, onde se realizam os Jogos Olímpicos.

A iniciativa, intitulada "12 horas a nadar Coimbra-Rio de Janeiro", pretende juntar entre as 08:00 e as 20:00 amadores e federados nas piscinas municipais Luís Lopes da Conceição, Rui Abreu (apenas das 08:00 às 14:00) e Celas, procurando somar nas distâncias percorridas entre todos os quilómetros que separam as duas cidades.

Nesse dia, "os cidadãos podem utilizar as piscinas de forma gratuita", sendo que haverá técnicos a controlar os metros percorridos por cada um, disse o vereador da Câmara Municipal de Coimbra (CMC), Carlos Cidade, que falava numa conferência de imprensa de apresentação da 3.ª edição das Jornadas Mendes Silva (antigo presidente da Câmara de Coimbra), que engloba esta atividade.

Para ajudar na obtenção do resultado desejado, também serão contabilizados os quilómetros realizados por nadadores profissionais no 9.º meeting internacional Cidade de Coimbra, a decorrer no Complexo Olímpico de Piscinas de Coimbra no mesmo dia, que vai contar com a equipa olímpica nacional, referiu.

Este evento é semelhante a uma iniciativa realizada em 1972, intitulada "Portugal ao Brasil", que se realizou durante 24 horas, sublinhou o vereador.

Também dentro das jornadas, será realizada uma homenagem, às 12:00, no Salão Nobre da CMC, aos atletas de Coimbra que participaram em Jogos Olímpicos e Paralímpicos, bem como a treinadores e a um médico.

António Marques, Carlos Alves, Maria Teresa Melo, Ricardo Manuel Marques, José Reinaldo Pereira e Rui Daniel Oliveira são os paralímpicos homenageados e Ana Rente, Aniceto Simões, António Botelho de Melo, Beatriz Gomes, Diogo Carvalho, Joana Ramos, João Neto, José Carvalho, Rui Abreu e Sandra Godinho são os atletas olímpicos homenageados nesse dia.

No sábado, decorre ainda o Encontro Regional do Desporto Escolar no 1.º Ciclo, que vai contar com a presença de 600 crianças, no Parque Verde do Mondego, que vão experimentar "várias modalidades", como ginástica, golfe, futebol, atletismo ou voleibol, referiu a delegada regional da Direção-Geral dos Estabelecimentos Escolares (DGEstE), Cristina Oliveira.

No sábado, realizam-se também demonstrações de modalidades de clubes do concelho e de secções desportivas da Associação Académica de Coimbra, na baixa da cidade.

As Jornadas Mendes Silva são organizadas pela CMC, Clube de Comunicação Social de Coimbra, DGEstE e Associação de Natação de Coimbra.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Opinião

Os irados e o PAN

A TVI fez uma reportagem sobre um grupo de nome IRA, Intervenção e Resgate Animal. Retirados alguns erros na peça, como, por exemplo, tomar por sério um vídeo claramente satírico, mostra-se que estamos perante uma organização de justiceiros. Basta, aliás, ir à página deste grupo - que tem 136 000 seguidores - no Facebook para ter a confirmação inequívoca de que é um grupo de gente que despreza a lei e as instituições democráticas e que decidiu fazer aquilo que acha que é justiça pelas suas próprias mãos.

Premium

Margarida Balseiro Lopes

Falta (transparência) de financiamento na ciência

No início de 2018 foi apresentado em Portugal um relatório da OCDE sobre Ensino Superior e a Ciência. No diagnóstico feito à situação portuguesa conclui-se que é imperativa a necessidade de reformar e reorganizar a Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT), de aumentar a sua capacidade de gestão estratégica e de afastar o risco de captura de financiamento por áreas ou grupos. Quase um ano depois, relativamente a estas medidas que se impunham, o governo nada fez.