Fernando Santos fala da rescisão de Rui Patrício: "Não tenho medo de nada"

Selecionador nacional disse que não tem qualquer receio do efeito que a rescisão do guarda-redes possa ter na preparação da equipa portuguesa

O selecionador português de futebol, Fernando Santos, afirmou esta sexta-feira que "todos os jogadores estão concentrados" na participação de Portugal no Mundial de 2018, no dia em que Rui Patrício rescindiu contrato com o Sporting, alegando justa causa.

Sem nunca referir o nome do guarda-redes, Fernando Santos garantiu que todos os jogadores "estão a corresponder muito bem" aos trabalhos da seleção nacional, e negou qualquer tipo de problema.

"Os treinos mostram isso. Se houvesse algum caso, teríamos que tomar uma posição. Não é o caso", afirmou Fernando Santos, quando foi questionado sobre a rescisão de Rui Patrício e o efeito que isso poderá ter no jogador, durante o estágio para o próximo campeonato do Mundo.

Fernando Santos, que falava na Cidade do Futebol, em Oeiras, reforçou que não tem qualquer receio do efeito que a rescisão de Rui Patrício possa ter na preparação da equipa portuguesa.

"Não temo nada. Tenho quatro cães em casa. Se tivesse medo, tinha trazido os cães. Não tenho medo de nada", frisou.

Em relação ao particular de sábado, em Bruxelas, com a Bélgica, o treinador, de 63 anos, confirmou a ausência de Adrien, que vai ficar em Portugal a realizar tratamento, devido a um problema numa perna.

"A Bélgica tem um conjunto fantástico de jogadores. É uma equipa muito forte em termos ofensivos. É um adversário poderoso e vai ser um excelente teste", disse.

Sobre o 'capitão' Cristiano Ronaldo, único ausente entre os 23 eleitos, Fernando Santos admitiu que não tem falado com o avançado, ainda em período de férias, mas espera que chegue "fresco" à seleção, depois de uma longa temporada no Real Madrid.

"Não vou incomodar as férias do Cristiano, por isso não tenho falado com ele. Espero que tenha umas boas férias e que recupere", referiu.

O encontro particular entre a Bélgica e Portugal está agendado para sábado às 20:45 locais (19:45 em Lisboa).

No primeiro teste, Portugal empatou (2-2) em Braga, com a Tunísia, que vai também participar no Mundial 2018.

Em 09 de junho, após os particulares com a Bélgica e com a Argélia (dia 07 de junho em Lisboa), a equipa lusa viaja para a Rússia, onde tem estreia marcada frente à Espanha, em 15 de junho, em Sochi.

Além dos espanhóis, Portugal defronta Marrocos em 20 de junho, em Moscovo, e o Irão, de Carlos Queiroz, no dia 25, em Saransk, nos restantes jogos do Grupo B do Campeonato do Mundo, que arranca em 14 de junho e termina em 15 de julho.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Anselmo Borges

"Likai-vos" uns aos outros

Quem nunca assistiu, num restaurante, por exemplo, a esta cena de estátuas: o pai a dedar num smartphone, a mãe a dedar noutro smartphone e cada um dos filhos pequenos a fazer o mesmo, eventualmente até a mandar mensagens uns aos outros? É nisto que estamos... Por isso, fiquei muito contente quando, há dias, num jantar em casa de um casal amigo, reparei que, à mesa, está proibido o dedar, porque aí não há telemóvel; às refeições, os miúdos adolescentes falam e contam histórias e estórias, e desabafam, e os pais riem-se com eles, e vão dizendo o que pode ser sumamente útil para a vida de todos... Se há visitas de outros miúdos, são avisados... de que ali os telemóveis ficam à distância...