Maradona: "Cristiano é um craque de verdade"

A antiga estrela argentina diz que é Ronaldo quem tem de decidir se fica ou não no Real Madrid

Diego Maradona é um admirador de Cristiano Ronaldo e deixou isso bem claro numa entrevista concedida ao jornal espanhol Marca.

"Se é craque ou não? Bom, isso parece uma pergunta cómica porque é óbvio que é craque. E dos verdadeiros. E dos de verdade. Não há nenhuma dúvida em relação a isso", atirou a antiga estrela argentina.

Questionado sobre se Ronaldo deve ficar ou sair do Real Madrid, Maradona adiantou que "isso é Cristiano que tem de decidir". "Não me meto nisso, Ronaldo tem gente a seu lado que sabe aconselhá-lo e que lhe dará o melhor conselho possível", finalizou.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Ricardo Paes Mamede

O populismo entre nós

O sucesso eleitoral de movimentos e líderes populistas conservadores um pouco por todo o mundo (EUA, Brasil, Filipinas, Turquia, Itália, França, Alemanha, etc.) suscita apreensão nos países que ainda não foram contagiados pelo vírus. Em Portugal vários grupúsculos e pequenos líderes tentam aproveitar o ar dos tempos, aspirando a tornar-se os Trumps, Bolsonaros ou Salvinis lusitanos. Até prova em contrário, estas imitações de baixa qualidade parecem condenadas ao fracasso. Isso não significa, porém, que o país esteja livre de populismos da mesma espécie. Os riscos, porém, vêm de outras paragens, a mais óbvia das quais já é antiga, mas perdura por boas e más razões - o populismo territorial.