"Bjorn Borg é o único que chegou ao meu nível"

O futebolista sueco Zlatan Ibrahimovic, que alinha no Manchester United de José Mourinho, disse hoje em entrevista à revista Café que o único desportista compatriota ao seu nível foi o ex-tenista Bjorn Borg.

O avançado, de 35 anos, explicou que as prestações de Borg o "atraem" e que o passado "vindo de lugar nenhum" do ex-tenista, como as de 'Ibra', o fizeram admirar o antigo tenista, vencedor de seis títulos em Roland Garros e cinco em Wimbledon.

"Ele [Borg] é o único que chegou ao meu nível", completou o futebolista, que se encontra a recuperar de uma lesão no ligamento cruzado anterior de um joelho, a que já foi operado, durante a segunda mão dos quartos de final da Liga Europa com o Anderlecht (2-1).

Na mesma entrevista à publicação sueca, Ibrahimovic comentou ainda os objetivos para o futuro depois de deixar o futebol, ainda que ainda não pense em retirar-se para já.

"Viverei algures na Suécia, perto da natureza. Tenho tido tanta gente ao meu redor durante tantos anos: grandes cidades, cimento, carros, tubos de escape e 'stress'. Só quero estar tranquilo com a minha família", afirmou.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Anselmo Borges

"Likai-vos" uns aos outros

Quem nunca assistiu, num restaurante, por exemplo, a esta cena de estátuas: o pai a dedar num smartphone, a mãe a dedar noutro smartphone e cada um dos filhos pequenos a fazer o mesmo, eventualmente até a mandar mensagens uns aos outros? É nisto que estamos... Por isso, fiquei muito contente quando, há dias, num jantar em casa de um casal amigo, reparei que, à mesa, está proibido o dedar, porque aí não há telemóvel; às refeições, os miúdos adolescentes falam e contam histórias e estórias, e desabafam, e os pais riem-se com eles, e vão dizendo o que pode ser sumamente útil para a vida de todos... Se há visitas de outros miúdos, são avisados... de que ali os telemóveis ficam à distância...