Frederico Morais, Pedro Henrique e Miguel Blanco na quinta ronda

Os três surfistas são os únicos portugueses resistentes no Pro Santa Cruz, do circuito mundial de qualificação, ao superarem a quarta ronda

Frederico Morais, o único português no circuito principal, entrou na competição a vencer o heat, enquanto Pedro Henrique e Miguel Blanco superaram a ronda com o segundo lugar nas suas baterias.

Luís Perloiro e Afonso Antunes caíram na bateria de 'Kikas', Pedro Coelho frente ao japonês Kanoa Igarashi, que também disputa o circuito principal, numa ronda que ditou ainda a eliminação de Tomás Fernandes.

O francês Joan Duru, 31.º do ranking mundial, foi afastado na estreia, ao terminar a sua bateria no quarto e último lugar.

Na quinta ronda, 'Kikas' vai defrontar Shane Sykes, Maxime Huscenot e Rafael Teixeira, no quarto heat, antes de Henrique enfrentar Igarashi, Marc Lacomare e Samuel Pupo, no quinto. O primeiro luso a entrar em prova nesta eliminatória vai ser Blanco, frente a Gatien Delahaye, Ramzi Boukhiam e Santiago Muniz.

O Pro Santa Cruz (3.000 pontos), cujo período de espera decorre até domingo, é uma das três provas do calendário do circuito de qualificação que se realizam em Portugal, depois do Caparica Pro (1.000) e antes de uma terceira também nas ondas lusas (10.000), provavelmente em setembro.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Anselmo Borges

"Likai-vos" uns aos outros

Quem nunca assistiu, num restaurante, por exemplo, a esta cena de estátuas: o pai a dedar num smartphone, a mãe a dedar noutro smartphone e cada um dos filhos pequenos a fazer o mesmo, eventualmente até a mandar mensagens uns aos outros? É nisto que estamos... Por isso, fiquei muito contente quando, há dias, num jantar em casa de um casal amigo, reparei que, à mesa, está proibido o dedar, porque aí não há telemóvel; às refeições, os miúdos adolescentes falam e contam histórias e estórias, e desabafam, e os pais riem-se com eles, e vão dizendo o que pode ser sumamente útil para a vida de todos... Se há visitas de outros miúdos, são avisados... de que ali os telemóveis ficam à distância...