Fernando Oliveira deve ir novamente a votos

Eleições de 21 de dezembro devem contar com uma lista encabeçada pelo atual presidente que, apesar de contestado, tentará cumprir o sétimo mandato como líder do emblema sadino

A contestação é imensa, o atual elenco diretivo continua sem conseguir aprovar contas de 2015, mas Fernando Oliveira, segundo o jornal A Bola, vai recandidatar-se ao cargo de presidente nas eleições convocadas para 21 de dezembro próximo.

Não deixa de ser surpreendente esta decisão de Fernando Oliveira, visto que foi o próprio a apresentar a demissão depois de um período que ainda não terminou de grande contestação à sua gestão.

Em princípio, Fernando Oliveira terá como opositor Vítor Hugo Valente, a quem derrotou a 25 de março deste ano por escassos 105 votos.

Caso volte a triunfar nas urnas, Fernando Oliveira iniciará o seu sétimo mandato como presidente do V. Setúbal num percurso intercalado - entre 1986 e 1991 e desde 2009 até à presente data.

Ler mais

Premium

Rosália Amorim

"Sem emoção não há uma boa relação"

A frase calorosa é do primeiro-ministro António Costa, na visita oficial a Angola. Foi recebido com pompa e circunstância, por oito ministros e pelo governador do banco central e com honras de parada militar. Em África a simbologia desta grande receção foi marcante e é verdadeiramente importante. Angola demonstrou, para dentro e para fora, que Portugal continua a ser um parceiro importante. Ontem, o encontro previsto com João Lourenço foi igualmente simbólico e relevante para o futuro desta aliança estratégica.

Premium

Diário de Notícias

A ditadura em Espanha

A manchete deste dia 19 de setembro de 1923 fazia-se de notícias do país vizinho: a ditadura em Espanha. "Primo de Rivera propõe-se governar três meses", noticiava o DN, acrescentando que, "findo esse prazo, verá se a opinião pública o anima a organizar ministério constitucional". Explicava este jornal então que "o partido conservador condena o movimento e protesta contra as acusações que lhe são feitas pelo ditador".