Estreia olímpica à beira dos 50: o desejo de Kelly Slater

Principal figura da modalidade, norte-americano admitiu desejo de participar nos Jogos Olímpicos de 2020, quando tiver 48 anos. Mas continuará distante dos mais velhos de sempre

Kelly Slater já leva 25 anos de carreira, é recordista de títulos mundiais (11), de vitórias no circuito WTC (54) e, simultaneamente, é o mais jovem e mais velho campeão da história do surf. Com um palmarés assim, a carreira de Slater parece estar mais do que completa, mas o surfista admitiu que ainda lhe falta uma experiência: surfar nos Jogos Olímpicos.

O surf está na calha para, em 2020, ter a sua estreia como modalidade olímpica, nos Jogos de Tóquio. O Comité Organizador recomendou a entrada de cinco novas modalidades - além do surf, o softbol, o basebol, a escalada e o skateboard também aguardam a estreia. Kelly Slater tem-se mostrado, desde o início, entusiasmado com a possibilidade de ir aos Jogos Olímpicos, tanto que participou num projeto de dez anos para ajudar a criar a onda artificial perfeita.

Leia mais na edição impressa ou no e-paper do DN

Ler mais

Exclusivos

Premium

nuno camarneiro

Uma aldeia no centro da cidade

Os vizinhos conhecem-se pelos nomes, cultivam hortas e jardins comunitários, trocam móveis a que já não dão uso, organizam almoços, jogos de futebol e até magustos, como aconteceu no sábado passado. Não estou a descrever uma aldeia do Minho ou da Beira Baixa, tampouco uma comunidade hippie perdida na serra da Lousã, tudo isto acontece em plena Lisboa, numa rua com escadinhas que pertence ao Bairro dos Anjos.

Premium

Rui Pedro Tendinha

O João. Outra vez, o João Salaviza...

Foi neste fim de semana. Um fim de semana em que o cinema português foi notícia e ninguém reparou. Entre ex-presidentes de futebol a serem presos e desmentidos de fake news, parece que a vitória de Chuva É Cantoria na Aldeia dos Mortos, de Renée Nader Messora e João Salaviza, no Festival do Rio, e o anúncio da nomeação de Diamantino, de Daniel Schmidt e Gabriel Abrantes, nos European Film Awards, não deixou o espaço mediático curioso.