Comité organizador pretende reduzir número de lugares nos Jogos

O Comité Organizador dos próximos Jogos Olímpicos pretende reduzir o número de lugares em algumas sedes olímpicas, com o objetivo de diminuir custos, indicou esta terça-feira a agência de notícias Kyodo

A medida foi apresentada na segunda-feira na reunião da Comissão de coordenação do Comité Olímpico Internacional (COI), que supervisiona os trabalhos dos próximos Jogos Olímpicos de verão e que se encontra de visita ao Japão.

Tóquio 2020 procura diminuir o número de lugares em 12 sedes, incluindo o novo estádio olímpico atualmente em construção, onde há um acordo para uma redução de 80.000 para 68.000 lugares.

Entre as propostas estão também a diminuição de lugares no recinto de desportos equestres, de 14.000 para 9.300, no boxe, de 10.000 para 7.700, e no estádio que receberá as provas de tiro com arco, de 7.000 para 5.000.

Outras sedes em estudo são as do andebol e ciclismo, com o Comité organizador, numa visita de três dias, na qual os responsáveis ainda pretendem visitar as construções previstas para o basquetebol 3x3, a escalada, e os circuitos de BMX e Skateboarding.

Ler mais

Exclusivos