Benfica-FC Porto nos quartos da Taça de Portugal

A 69.ª edição da Taça de Portugal de basquetebol será marcada pelo duelo Benfica-FC Porto, nos quartos de final, uma espécie de final antecipada da final a 8, que decorrerá em Braga, de quinta-feira a domingo.

O sorteio ditou que o clássico seja disputado na sexta-feira, pelas 21.00, no Pavilhão da Universidade do Minho, em Braga, o palco onde se desenrolarão todos os sete jogos da prova, cuja final está agendada para domingo, pelas 17.00.

O Benfica, que lidera o palmarés da Taça de Portugal, com 22 troféus conquistados, arrebatou as quatro últimas edições e volta a ostentar o papel de favorito, juntamente como o FC Porto, que conta 13 triunfos, o último em 2011/12.

"Já sabemos que vai ser um jogo muito difícil e complicado e vamos encarar este duelo com toda a seriedade. Vamos tentar integrar o mais rapidamente possível os dois novos jogadores, o Todic e o Damier Pitts, por forma a vencer o FC Porto", disse o capitão benfiquista, Tomás Barroso, ao sítio da Federação Portuguesa de Basquetebol.

Por seu lado, o treinador dos dragões, o espanhol Moncho López, também assumiu ao sítio federativo o favoritismo e está ávido para acabar com a hegemonia que o rival Benfica tem ostentado nas últimas quatro temporadas.

"Somos a única equipa que tem conseguido contestar a hegemonia do Benfica na Taça de Portugal. Para mim, é indiferente defrontar o nosso rival logo nos quartos de final. Para conquistarmos este troféu, teríamos sempre de defrontar o Benfica ao longo da competição", frisou Moncho López.

Os quartos de final abrem na quinta-feira, com o jogo entre o CAB Madeira e o Illiabum, seguindo-se o confronto entre o Eléctrico de Ponte de Sôr e o Galitos do Barreiro.

Na sexta-feira, e além do empolgante clássico, marcado para as 21:00, os quartos de final completam-se com o despique entre o Esgueira, a única equipa da Proliga (segundo escalão) que logrou atingir a final 8, e o Terceira Basket.

As meias-finais realizam-se no sábado e a final está programada para domingo, pelas 17.00.

"Espero que, no âmbito do projeto Cidade Europeia do Desporto, os adeptos venham a Braga apoiar as suas equipas e vibrar com a elite do basquetebol nacional, que vai estar em Braga nos próximos dias", destacou Sameiro Araújo, vereadora do desporto da Câmara Municipal de Braga.

Ler mais

Premium

JAIME NOGUEIRA PINTO

O arauto da revolta popular

Rejeição. Não é, por enquanto, senão isso. Não pelos reaccionários, pelos latifundiários, pelos generais golpistas, pelos fascistas declarados ou encapotados, mas pelo povo brasileiro, que vota agora contra a esquerda dita idealista - e notoriamente irrealista quanto à natureza humana (sobretudo à própria) - que montou um "mecanismo" de enriquecimento ilícito e de perpetuação no poder digno dos piores hábitos do coronelismo e do caciquismo que os seus antepassados ideológicos, de Josué de Castro a Celso Furtado, tanto criticaram. Um povo zangado, enganado, roubado, manipulado pelos fariseus da tolerância, dos direitos humanos e das flores de retórica do melhor dos mundos, pelos donos de tudo - do pensamento único aos recursos do Estado.