Adrien Silva despede-se do Sporting em lágrimas

O médio português Adrien Silva regressou hoje ao Estádio José Alvalade, para uma homenagem do Sporting, e não conteve as lágrimas na despedida do seu antigo clube, que deixou no último defeso para rumar aos ingleses do Leicester.

Num discurso emocionado aos adeptos no intervalo do jogo entre o Sporting e o FC Porto (que terminou com um empate a zero), o internacional português recebeu ainda das mãos do diretor para o futebol dos 'leões', André Geraldes, uma camisola do clube com o número 241, em alusão ao número de encontros realizados ao serviço do Sporting.

O jogador viu também um vídeo com alguns dos seus melhores momentos nos monitores do estádio e recebeu uma ovação de pé da massa associativa leonina, tendo a homenagem ficado completa no relvado com uma mensagem em letras gigantes: "Obrigado capitão Adrien Silva".

Ler mais

Exclusivos

Premium

Anselmo Borges

"Likai-vos" uns aos outros

Quem nunca assistiu, num restaurante, por exemplo, a esta cena de estátuas: o pai a dedar num smartphone, a mãe a dedar noutro smartphone e cada um dos filhos pequenos a fazer o mesmo, eventualmente até a mandar mensagens uns aos outros? É nisto que estamos... Por isso, fiquei muito contente quando, há dias, num jantar em casa de um casal amigo, reparei que, à mesa, está proibido o dedar, porque aí não há telemóvel; às refeições, os miúdos adolescentes falam e contam histórias e estórias, e desabafam, e os pais riem-se com eles, e vão dizendo o que pode ser sumamente útil para a vida de todos... Se há visitas de outros miúdos, são avisados... de que ali os telemóveis ficam à distância...