Hamburgo desce pela 1ª vez desde a criação da Bundesliga e adeptos partiram para a violência

O Hamburgo, único clube a disputar todas as edições da Bundesliga desde a sua criação, em 1963, viu hoje confirmada a sua despromoção à segunda divisão do futebol alemão, apesar da vitória por 2-1 sobre o Borussia Mönchengladbach.

Na 34.? jornada e última jornada, o triunfo do Hamburgo em casa não evitou a interrupção de um percurso de 55 anos seguidos no primeiro escalão, numa campanha concluída com o 17.º e penúltimo lugar.

Já no período de compensação, os adeptos manifestaram o ser descontentamento com o lançamento de materiais pirotécnicos para o relvado e tentativa de invasão de campo, situações que motivaram a intervenção da polícia e forçaram a interrupção do jogo por alguns minutos.

Na jornada em que o campeão Bayern Munique averbou uma surpreendente derrota por 4-1 em casa, o Hamburgo marcou cedo, aos 11 minutos, por Aaron Hunt, mas aos 28 minutos o suíço Josip Drmic empatou. Na segunda parte, Lewis Holtby voltou a dar vantagem aos anfitriões aos 63, mas a vitória foi insuficiente para chegar ao 16.° lugar, que dá acesso ao 'play off' de permanência na primeira divisão.

Na 16.ª posição, com 33 pontos, ficou o Wolfsburgo, que bateu em casa o último, o Colónia, por 3-1, e vai dispor de mais uma oportunidade de permanecer na Bundesliga, defrontando o Holstein Kiel, terceiro classificado da segunda divisão, no 'play-off' de permanência/subida.

Mais acesa foi a disputa nos lugares cimeiros da liga alemã de futebol, com o Hoffenheim a subir ao terceiro lugar depois de vencer por 3-1 o Borussia Dortmund, que se vê assim relegado ao quarto lugar da liga alemã, devido a uma diferença entre golos marcados e sofridos desfavorável (18 contra 17).

As duas equipas conquistam um lugar na próxima edição da Liga dos Campeões de futebol, enquanto o Bayer Leverkusen, com os mesmos 55 pontos, garantiu apenas acesso à Liga Europa, apesar de derrotar o Hannover por 3-2, números insuficientes para superar o saldo de golos do Dortmund (14 contra 17).

O Schalke 04, por seu turno, consolidou o segundo lugar da competição, com 63 pontos, ao bater o Eintracht Frankfurt por 1-0, com um golo do austríaco Guido Burgstaller, aos 26 minutos.

Os resultados mais expressivos da última jornada foram os do Leipzig, que derrotou o Hertha Berlim por 6-2 e garantiu o sexto lugar (e a disputa do 'play off' de acesso à Liga Europa), e do Bayern Munique, que foi derrotado em casa pelo Estugarda.

Depois de ter assegurado na 29.ª jornada o sexto título de consecutivo, os campeões da Alemanha foram incapazes de contrariar a supremacia do Estugarda, sofrendo uma derrota por 4-1 e terminando o campeonato com 84 pontos.

Noutros jogos da 34.ª jornada, o Friburgo venceu o Augsburgo por 2-0, ficando no 15.° lugar alemã, o último que garante permanência direta, imediatamente abaixo e com os mesmos 36 pontos do Mainz, 14.°, que hoje foi derrotado em casa pelo Werder Bremen.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG