Rui Vitória desvaloriza alegado interesse do Sporting

O treinador do Vitória de Guimarães, Rui Vitória, desvalorizou esta sexta-feira o eventual interesse do Sporting na sua contratação, mas reconheceu que, no futebol, "nunca está nada fechado".

Instado sobre o futuro, o técnico lembrou que tem mais um ano de contrato com o Vitória de Guimarães e que está "muito bem" num "grande clube". Admitindo "gostar de ver" o seu trabalho reconhecido, disse ver essas notícias "com muita tranquilidade".

"Não significam nada, não passam de opiniões que gosto de ouvir, como qualquer agente ligado ao futebol. Claro que todos temos ambição, sou profissional e nunca está nada fechado. Estou bem aqui, mas o dia de amanhã nunca sabemos", frisou.

Rui Vitória falava na antevisão da receção ao Rio Ave, domingo, na última jornada da I Liga, defendendo que o clube vimaranense "quer alcançar a melhor classificação possível" e, por isso, vencer a turma orientada por Nuno Espírito Santo. A equipa de Vila do Conde precisa de um triunfo para ainda sonhar com um apuramento europeu, enquanto o Vitória já o assegurou via, Taça de Portugal.

"Estamos com muita vontade de jogar e estamos preparados para trabalhar muito para ganhar porque queremos despedir-nos dos nossos adeptos com uma vitória. Vai ser uma última jornada engraçada porque há uma luta acesa por diferentes objetivos e isso é muito interessante, valoriza muito o nosso campeonato", afirmou.

Defendeu ainda que a avaliação dos treinadores deve ter em conta sobretudo o binómio investimento/rendimento, considerando também que "há muitos campeões que não ganharam um troféu, mas garantiram uma manutenção, um apuramento e valorizaram jogadores".

Alex é o único indisponível para domingo, mas os responsáveis esperam que possa recuperar para a final da Taça de Portugal, 26 de maio, diante do Benfica. Vitória de Guimarães, quinto classificado, com 40 pontos, e Rio Ave, oitavo, com 39, defrontam-se domingo, às 18:15, no Estádio D. Afonso Henriques.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG