Manuel Cajuda atinge jogo 500 na I Liga

O treinador do Olhanense, Manuel Cajuda, disse hoje que só pensa em vencer na receção de sábado ao Paços de Ferreira, que marca o seu 500.º jogo na I Liga portuguesa de futebol.

"Sei que é uma marca de elite e de prestígio, que só outros seis treinadores em Portugal atingiram, mas não é esse o ponto no qual estou mais focado. Não me quero desviar nenhum milímetro do objetivo coletivo que temos pela frente, que é vencer o jogo de amanhã [sábado]", afirmou o treinador, na antevisão à partida.

O técnico algarvio estreou-se no escalão principal do futebol português na época 1983/84, então a orientar o Farense, com uma derrota no antigo Estádio das Antas, diante do FC Porto, por 7-1, e atinge agora o jogo 500 na prova.

"Somos enormes quando somos capazes de sermos pequenos. Os factos ficam na carreira, mas há mais factos para conquistar e coisas para fazer", apontou o treinador, 61 anos, natural de Olhão.

De acordo com o técnico, "o primeiro sentimento é de agradecimento a todos os atletas" com quem trabalhou, "mas também aos colegas técnicos, dirigentes, elementos de 'staff' e adeptos", dizendo-se "um privilegiado por ter chegado tão longe".

Quanto ao jogo de sábado, considerando que os algarvios vão ter pela frente "um adversário muito bom", Manuel Cajuda acrescentou que o percurso da equipa pacense neste campeonato "merece todos os elogios".

O técnico mostrou-se confiante num bom resultado, como consequência do trabalho efetuado pelos seus jogadores nos últimos dois jogos, apesar de não terem vencido, um ciclo negativo que se prolonga há nove partidas na Liga.

"Nos últimos 15 dias, perante Sporting de Braga (0-1) e Moreirense (1-1), o comportamento e a atitude da equipa têm sido brilhantes, apesar de não termos conseguido resultados totalmente positivos", frisou.

"Orgulhoso" do seu trabalho, Manuel Cajuda garantiu que "uma equipa que trabalha assim, como trabalhou nestes dois jogos, mostra estar bem, em todos os aspetos, e próxima de alcançar resultados positivos".

O Olhanense, 14.º classificado, com 18 pontos, recebe no sábado o Paços de Ferreira, quarto, com 39 pontos, em jogo marcado para o Estádio José Arcanjo, às 17:00, com arbitragem de Artur Soares Dias (Porto).

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG