FPF mantém estatuto de utilidade pública

Pedro Silva Pereira foi hoje ao Parlamento dizer que vai manter, para já, o estatuto de utilidade pública da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), na expectativa de que a legalidade seja reposta em breve.

"O Estado não pode aplicar sanções de fim de linha enquanto não se verificar que estão esgotadas todas as outras sanções. O cancelamento do estatuto de utilidade pública por parte do Governo prejudicaria a participação das seleções nacionais e dos clubes portugueses nas provas internacionais", disse o governante.

De acordo com Pedro Silva Pereira, "o Governo tem de ter todo o bom senso", até porque "todos os sinais indicam que se está mais perto do cumprimento da Lei".

Exclusivos