Éder sofre lesão grave e não jogará mais nesta época

O internacional português lesionou-se com gravidade no jogo frente ao Benfica e só deverá regressar aos relvados na pré-época 2013/14.

O ponta-de-lança do Sporting de Braga Éder não jogará mais nesta época, depois de ter sofrido uma rotura total dos ligamentos cruzados do joelho direito, no jogo frente ao Benfica, nas meias-finais da Taça da Liga.

O goleador de 25 anos foi substituído já na reta final da partida e suspeitou-se, de imediato, que o internacional português poderia ter pela frente uma paragem prolongada. As suspeitas confirmaram-se e Éder só deverá regressar na pré-época 2013/14.

Éder é o terceiro melhor marcador da Liga portuguesa, com 13 golos, apenas superado por Cardozo (14) e Jackson Martínez (22). As consequências da lesão de Éder estendem-se à seleção nacional, que não poderá contar com a principal alternativa a Hélder Postiga no Azerbaijão e em Israel, em março.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Adriano Moreira

O relatório do Conselho de Segurança

A Carta das Nações Unidas estabelece uma distinção entre a força do poder e o poder da palavra, em que o primeiro tem visibilidade na organização e competências do Conselho de Segurança, que toma decisões obrigatórias, e o segundo na Assembleia Geral que sobretudo vota orientações. Tem acontecido, e ganhou visibilidade no ano findo, que o secretário-geral, como mais alto funcionário da ONU e intervenções nas reuniões de todos os Conselhos, é muitas vezes a única voz que exprime o pensamento da organização sobre as questões mundiais, a chamar as atenções dos jovens e organizações internacionais, públicas e privadas, para a necessidade de fortalecer ou impedir a debilidade das intervenções sustentadoras dos objetivos da ONU.