Futre quer empate no clássico com "muitos golos"

"Politicamente correto", Paulo Futre, antigo jogador de Sporting e FC Porto, diz que gostaria de ver "um empate com muitos golos" no domingo, no clássico entre portistas e leões no Dragão.

Paulo Jorge dos Santos Futre, 47 anos, natural do Montijo, onde nasceu no dia 28 de fevereiro de 1966, não esconde que é "sportinguista", de coração, mas o facto de ter representado o FC Porto durante "três anos" (foi campeão europeu de clubes pelos portistas em 1987, em final com o Bayern Munique, em Viena) faz com que seja "politicamente correto". Isto quando desafiado pelo DN a dar um palpite para o FC Porto - Sporting de domingo, 27 de outubro de 2013, no Estádio do Dragão (19.45, Sport TV1).

O antigo extremo-esquerdo, ex-internacional português (41 internacionalizações, seis golos contabilizados ao serviço da seleção nacional A) , um verdadeito "terror", "quebra- cabeças", principalmente para os defesas-direitos das equipas adversárias, elogia o momento dos leões de Lisboa e afirma acreditar que o clube de Alvalade tem boas hipóteses de sair do Estádio do Dragão com um resultado positivo, após o clássico da oitava jornada da edição 2013/2014 da Liga Portuguesa de Futebol.

Ainda assim, Futre realça o potencial do FC Porto, tricampeão nacional de futebol, e destaca os pontas-de-lança dos dois emblemas, curiosamente ambos colombianos: Jackson Martínez, segundo melhor marcador da Liga, com sete golos somados, dianteiro dos azuis e brancos, e Fredy Montero, atacante dos verdes e brancos de Alvalade, melhor marcador do campeonato português com um total de nove golos apontados ao fim de sete jornadas da prova.

Paulo Futre refere, inclusivamente, que Montero "tem pormenores que fazem lembrar Romário", antigo avançado da seleção do Brasil que jogou, entre outros clubes, no PSV Eindhoven, da Holanda, e posteriormente no Barcelona, de Espanha.

Quando lhe perguntámos qual o resultado que espera para o clássico deste domingo, dia 27 de outubro de 2013, no Estádio do Dragão, Paulo Futre pediu "um empate com muitos golos". "Pode ser 4-4 ou 5-5", respondeu, durante a entrevista concedida ao DN.

Além do Montijo, na formação, e do Sporting (na formação e nos seniores), Paulo Futre representou também, ao longo da carreira no futebol sénior, FC Porto, Atlético de Madrid (Espanha), Benfica, Marselha (França), Reggiana (Itália), AC Milan (Itália), West Ham United (Inglaterra) e Yokohama Flugels (Japão).

Exclusivos