Benfica pode sentenciar o título em Braga

Em caso de triunfo em Braga, o Benfica não precisará de voltar a pontuar nos jogos fora e "bastará" vencer as três partidas que vai disputar na Luz para ser campeão nacional. Confira o programa da jornada.

O Benfica será colocado à prova no domingo, numa visita de alto risco a Braga, naquela que será a sua primeira grande "final" na corrida ao título na I Liga, a seis jornadas do fim.

Nesta reta final, o encontro com os bracarenses, a par da visita ao FC Porto na última jornada, surge como o mais difícil para a equipa de Jorge Jesus, que, depois de Braga, terá ainda pela frente Rio Ave (casa), Arouca (fora), Olhanense (casa), Vitória de Setúbal (casa) e FC Porto (fora).

Os "encarnados" gozam de uma vantagem de sete pontos, que na prática se "transformam" em oito, para o rival Sporting, tendo em conta o confronto direto das duas equipas: triunfo do Benfica (2-0) na Luz e empate em Alvalade (1-1).

Numa fase em que joga duas vezes por semana, entre campeonato, Taça e Liga Europa, o Benfica sabe os riscos que corre em Braga, situação que levou Jorge Jesus a não apresentar uma equipa "titularíssima" no Estádio do Dragão, a meio da semana, à imagem do que tem feito na Liga Europa.

Na quarta-feira o Benfica saiu derrotado na primeira mão da meia-final da Taça com o FC Porto (1-0), pondo fim a uma série de 27 jogos sem perder (o último tinha sido a 5 de novembro com o Olympiacos, na Liga dos Campeões) e 43 sempre a marcar nas provas nacionais.

Jesus optou por deixar de fora seis titulares: o guarda-redes Oblak, o defesa Siqueira, o médio Enzo Pérez, os extremos Gaitán e Markovic e o avançado Lima, numa clara opção de prioridades na gestão de esforço do plantel.

Um triunfo em Braga, onde o Benfica venceu nas duas últimas épocas, seria "meio passo" para um título que foge há três épocas, em duas das quais -- sobretudo a última - esteve muito perto e deixou escapar na fase final.

O Sporting de Braga, ainda assim, tem estado em processo de transformação. Esta época já substituiu Jesualdo Ferreira pelo técnico Jorge Paixão e não tem sido a equipa temível de outras temporadas, situando-se no sexto lugar.

Na 25.ª jornada não é só o Benfica com testes duros: o Sporting terá no sábado um adversário de respeito, o Vitória de Guimarães, ainda na luta europeia, e o FC Porto visitará no domingo o Nacional, equipa que esta época empatou no Dragão (1-1).

O Sporting, depois de ultrapassar com distinção a visita ao Marítimo (3-1), continua proibido de perder pontos, se ainda quiser sonhar com o título, e defronta um Vitória que pretende a Europa (está a quatro pontos do quinto lugar).

O FC Porto, moralizado com a vitória de quarta-feira frente ao Benfica, está a 12 pontos da frente e não deixa de ter também um jogo de elevadíssima dificuldade, na Choupana, com um Nacional muito bem "desenhado" por Manuel Machado.

A equipa insular ocupa o quinto lugar, o último de acesso à Liga Europa, com 35 pontos, mais três do que o Sporting de Braga (32) e quatro do que o Vitória de Guimarães (31). A ronda coloca os três primeiros frente ao sexto, sétimo e quinto, respetivamente.

Nesta sequência a exceção é o quarto classificado, o Estoril Praia, que recebe no domingo o Rio Ave, num jogo em que a equipa de Marco Silva é favorita, mas não poderá contar com os castigados Evandro e Gonçalo Silva e o lesionado Sebá.

A jornada abre na sexta-feira, numa luta de aflitos entre o Belenenses (16.º, 17 pontos) e o Paços de Ferreira (14.º, 22), no Estádio do Restelo, equipas que recentemente fizeram entrar novos treinadores, com Lito Vidigal a assumir os azuis e Jorge Costa os pacenses.

O Belenenses, que não vence há sete jornadas (tem apenas três triunfos na Liga), começa a estar numa situação desesperada e arrisca-se a ficar, em caso de nova derrota, a oito pontos de um adversário direto na fuga à despromoção.

Outro aflito é o Olhanense, sem vencer há quatro rondas, que tem jogo igualmente difícil, com uma deslocação a Coimbra, onde domingo defronta uma muito mais tranquila Académica, equipa 10.ª classificada.

Também no domingo, o Arouca (13.º, 22 pontos), outra das equipas pontualmente em perigo recebe o Vitória de Setúbal (8.º, 30 pontos), enquanto o Gil Vicente (12.º, 26) joga em casa com o Marítimo (9.º, 30).

Programa da 25.ª jornada:

- sexta-feira, 28 mar:

Belenenses -- Paços de Ferreira, 20:00 (SportTV).

- sábado, 29 mar:

Sporting -- Vitória de Guimarães, 20:15 (SportTV).

- domingo, 30 mar:

Arouca -- Vitória de Setúbal, 16:00.

Académica -- Olhanense, 16:00.

Estoril -- Rio Ave, 16:00.

Gil Vicente -- Marítimo, 16:00.

Sporting de Braga -- Benfica, 17:00 (SportTV).

Nacional -- FC Porto, 19:15 (SportTV).

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG